Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/94
Título: Considerações sobre doença mental e comunicação social
Autor: Monteiro, Maria Fátima Jorge
Madeira, Tânia
Palavras-chave: Estigma da doença mental
Atitudes
Integração comunitária
Profissionais de comunicação social
Data: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 25(1), 97-109.
Resumo: As imagens sobre doenças mentais, apresentadas ao público, formam as suas atitudes e influenciam os seus comportamentos. Quando essas imagens não são correctas nem favoráveis contribuem significativamente para o estigma e para a discriminação, ajudando a criar barreiras para o recovery das pessoas com doença mental (Wahl, 2003). Sendo o estigma um sério impedimento ao bem-estar das pessoas com doença mental (Corrigan & Kleinlein, 2005) é fundamental ter um olhar mais atento ao que é exposto, pelos media, ao público, nesta matéria. É também crucial atender às considerações sociais dos agentes de comunicação, ao nível da sua prática profissional, quanto a estas questões. Este estudo pretendeu conhecer todos esses aspectos tendo por base um grupo de profissionais de comunicação social, ao mesmo tempo que pretende clarificar ideias sobre a doença mental e aprofundar estratégias de redução do estigma, sustentadas por dimensões teóricas e perspectivadas por vários autores.
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/94
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:PCOM - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AP 25(1) 97-109.pdf86,46 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.