Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/832
Título: A mediação familiar na separação conjugal e conflitos parentais: Caracterização e avaliação da satisfação dos clientes que recorrem ao gabinete de mediação familar
Autor: Ramos, Maria de Fátima
Orientador: Oliveira, Rui Aragão Gomes
Palavras-chave: Psicologia legal
Família
Mediação
Conflitos
Satisfação
Avaliação
Divórcio
Separação
Decisões legais
Instrumentos
Legal psychology
Family
Mediation
Conflicts
Satisfaction
Assessment
Divorce
Separation
Legal decisions
Instruments
Data de Defesa: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: O presente trabalho de investigação centra-se na mediação familiar, enquanto processo que poderá, em caso de separação/ divórcio, e em alternativa ao sistema judicial, ajudar os pais, com filhos menores, a dinamizarem estratégias que facilitem, por um lado, a sua co-parentalidade e, por outro, a reorganização da nova família binuclear emergente. A mediação familiar, comparativamente com outros países europeus, é uma área pouco explorada e dinamizada ao nível nacional. Este estudo, de natureza exploratória, tem como principal objectivo determinar a percepção do efeito da mediação familiar, nomeadamente ao nível da satisfação dos clientes (pré-mediados, mediados sem acordo e mediados com acordo) que recorreram ao Gabinete de Mediação Familiar e avaliar em que medida a decisão final influencia essa mesma satisfação. Com este propósito, foi construído um questionário, em três versões, adaptadas à fase processual em que cada cliente terminou o processo. A aplicação dos questionários foi feita, através de correio ou e-mail, a 100 clientes que recorreram ao Gabinete de Mediação Familiar no ano de 2004, após prévio consentimento dos participantes (via telefone). Dos clientes que participaram no estudo. 48 estiveram em processo de pré-mediação, 21 em processo de mediação, mas não alcançaram acordo final e 31 estiveram em mediação e alcançaram um acordo final. Os resultados apontam, em todas as variáveis avaliadas, para uma maior satisfação dos clientes que estiveram em processo de mediação e que alcançaram acordo final. Verificaram-se diferenças significativas e muito significativas entre os três grupos, quando comparados ao nível dos itens de satisfação, tendo-se observado que a variável acordo final influencia favoravelmente a satisfação da população estudada. Na discussão dos resultados são levantadas diversas questões para reflexão, sendo, finalmente, sugeridas algumas recomendações práticas.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia Legal
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/832
Aparece nas colecções:PLEG - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM RAMO-M1.pdf10,07 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.