Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/805
Título: Abandono e rendimento académico em estudantes do 1º ano de Universidade do Algarve
Autor: Pinto, Maria Susana dos Santos
Palavras-chave: Psicologia clínica
Abandono
Rendimento académico
Instrumentos
Estudantes
Universidade
Clinical psychology
Oncology
Abandonment
Students
College students
Data de Defesa: 2005
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: A partir de uma concepção contextualista e psicossocial que se encontra envolvida nas questões da integração académica do estudante do 1o ano, fez-se uma exploração dos temas relacionados com a integração académica, passando por algumas variáveis que contribuem para essa integração. Elaboraram-se, então, dois modelos teóricos representativos desta fase de integração no meio académico, tomando como critérios o abandono e o rendimento académicos. As variáveis intervenientes (pais, bem-estar, equilíbrio emocional e relacionamento interpessoal) destes modelos foram avaliadas através de um Inventário, constituído pela EISES (Diniz & Almeida, no prelo) e por uma Escala construída de raiz designada Escala de Suporte Relacional Extra-Universitário (ESRE-U), Procedeu-se à validação dos modelos de medida definidos pelas escalas, através da análise factorial confirmatória (LISREL8-SIMPLIS). Estes foram testados numa amostra (conveniência) de 264 estudantes do 1o ano da Universidade do Algarve provenientes dos vários cursos (M= 18; leque etário = 17-23). Uma vez operacionalizados os constructos que integravam os modelos, estes foram testados, recorrendo à path anliysis (LISREL8-S1MPLIS). Os resultados obtidos indicaram que as variáveis tomadas no modelo funcionaram melhor para o caso do abandono do que para o do rendimento. Neste último, apenas a nota de acesso mostrou ser boa preditora do rendimento académico. Para o abandono foram boas preditoras as variáveis género, residência, bem-estar, nota de acesso, equilíbrio emocional e, por último, a procura de suporte parental, apresentando-as por ordem decrescente de importância. Este conjunto de variáveis mostra-se pertinente para a investigação neste domínio e para uma posterior intervenção junto deste grupo de estudantes.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicopatologia e Psicologia Clínica
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/805
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM PINT-M1.pdf7,2 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.