Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/712
Título: Padrão de distribuição das aves e efeitos da densidade de machos territoriais na actividade de canto do trigueirão (Miliaria calandra)
Autor: Moreira, Maria Inês Vasconcelos de Albergaria Pinheiro
Orientador: Mota, Paulo Gama
Data de Defesa: 1999
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: Procurou-se determinar se a distribuição dos machos de Trigueirão {Miliaria calandra) obedece a algum padrão relativamente a vários tipos de biótopos agrícolas (seara, pousio e olival), e se diferentes densidades de machos territoriais têm algum efeito na sua actividade de canto. O trabalho de campo decorreu durante as épocas reprodutivas de 1997 e 1998, na região de Castro Verde (Baixo Alentejo). Verificou-se não existir nenhuma associação significativa entre qualquer dos biótopos considerados e a densidade de machos com território estabelecido. Alterações na utilização do terreno entre os dois anos não foram acompanhadas por alterações na densidade das aves. A taxa de canto (número de cantos/minuto) não apresenta uma variação entre áreas de alta ou baixa densidade, mas varia significativamente entre os dois anos de estudo. A actividade de canto é maior em áreas com maior densidade de machos territoriais, mas apenas quando se considera a percentagem de minutos em que os indivíduos cantaram.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Etologia
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/712
Aparece nas colecções:PBIO - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM MORE-MI1.pdf3,11 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.