Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/660
Título: Motivação para a aprendizagem escolar e práticas familiares de literacia: Análise da relação em crianças no 1º ano de escolaridade
Autor: Martins, Cátia Sofia
Palavras-chave: Psicologia educacional
Aprendizagem escolar
Literacia
Família
Motivação
Idade escolar
Instrumentos
Educational psychology
School learning
Literacy
Family
Motivation
School-age children
Instruments
Data de Defesa: 2005
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: A temática da motivação tem sido alvo de muito trabalho e ampla discussão. Várias têm sido as teorias elaboradas na tentativa de encontrar uma definição uníssona e respectivos mecanismos de funcionamento. Mas os estudos têm procurado esgotar a multiplicidade de relações que influenciam este tema. Nesta linha de investigação, surge o presente estudo, que pretende relacionar a motivação para a aprendizagem com as práticas de literacia familiar em crianças do primeiro ano de escolaridade (seis anos). Um dos instrumentos utilizados foi uma escala de motivação para a aprendizagem inicialmente desenvolvida por Stipek e Ryan (1997), que se encontra sub-dividida em seis dimensões (competência percepcionada, satisfação, ansiedade, expectativa para o sucesso e preferência pelo desafio). Na continuidade de um estudo elaborado por Mata (2002), aplicou-se um questionário de práticas e hábitos de literacia parentais desenvolvido pela autora a 115 crianças no início da escolaridade. Também participaram neste trabalho 49 pais, que responderam a uma versão do questionário elaborada por Mata (2002). Deste modo, a hipótese geral deste trabalho assenta na existência de uma relação positiva entre a motivação para a aprendizagem (através dos valores revelados pela escala) e o nível de literacia familiar relatado pelas crianças e respectivos pais. No que concerne as sub-escalas da motivação, colocaram-se algumas hipóteses que relacionam as dimensões de cada uma das sub-escalas com as práticas de literacia das crianças e dos pais. Os resultados principais indicam que as crianças revelam índices elevados nas várias dimensões da escala da motivação e que estes estão relacionados com o índice global de motivação. Quanto às práticas de literacia das crianças, foram encontradas correlações entre os dois índices. Quando comparando as várias categorias da literacia das crianças e dos pais com as sub-escalas, existem algumas correlações significativas.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/660
Aparece nas colecções:PEDU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM MART-CS1.pdf7,92 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.