Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/634
Título: Personalidade e ajustamento emocional na infertilidade
Autor: Lopes, Vânia Margarida Silva
Orientador: Leal, Isabel Pereira
Palavras-chave: Infertilidade
Personalidade
Stress
Ansiedade
Instrumentos
Depressão
NEO-PI-R
Infertility
Personality
Anxiety
Depression
Instruments
Data de Defesa: 2008
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: A infertilidade é geralmente associada a uma vivência de elevado mal-estar psicológico. Este estudo procurou explorar a relação entre os factores que podem mediar o stresse relacionado com a infertilidade, como as dimensões de personalidade, a ansiedade, depressão e stresse gerais, analisando ainda a relação entre o stresse inerente à infertilidade e o desajustamento à fertilidade. Os participantes eram 35 casais de mulheres e homens inférteis que se encontravam num serviço de saúde com consulta de infertilidade. Eles preencheram individualmente o Inventário de Personalidade NEO (NEO-FFI-20), uma Escala de Ansiedade, Depressão e Stresse (EADS), o Inventário de Problemas de Fertilidade (FPI) e a Escala de Ajustamento à Fertilidade (EAF). Nas mulheres era observada uma associação entre o neuroticismo e um maior stresse relacionado com a infertilidade, sendo o neuroticismo e a depressão capazes de explicar uma maior vulnerabilidade aos comentários acerca da infertilidade, um menor prazer no relacionamento sexual e no relacionamento com o companheiro. A dificuldade em enfrentar o exterior e a necessidade de parentalidade explicavam o desajustamento à fertilidade. Nos homens não existia uma dimensão de personalidade capaz de explicar o stresse específico da infertilidade, sendo a depressão a explicar a perda de prazer no relacionamento sexual e com a companheira. O desajustamento à fertilidade era apenas explicado pela centralidade do projecto de parentalidade. A maioria das mulheres e homens inférteis eram pessoas emocionalmente ajustadas, determinadas em alcançar os seus objectivos e sem elevados índices de ansiedade, depressão ou stresse, o que sugere a existência de uma enorme variabilidade na resposta a uma situação de infertilidade. Desta forma, embora seja relevante a identificação dos aspectos susceptíveis de induzir desajustamento, nem sempre é necessária uma intervenção psicológica. Abstract The infertility is frequently associated to an experience of great psychological distress. This study attempted to explore the relation between factors that can mediate the stress related with infertility, like personality dimensions, anxiety, depression and general stress. It also analyzed the relation between specific infertility stress and the fertility inadaptation. The participants were 35 infertile couples (women and men) on infertility consultation on the health service. They filled individually the NEO Personality Inventory (NEO-FFI-20), the Depression, Anxiety, and Stress Scale (EADS), the Fertility Problem Inventory (FPI), and the Fertility Adjustment Scale (EAF). In women was observed an association between neuroticism and a greater stress related with infertility. Neuroticism and depression was able to explain a bigger vulnerability about infertility comments, a minor sexual enjoyment and difficulty in the partner relationship. The difficulties in face the others and the parenthood explains the fertility inadaptation. In men not even one personality dimension was able to explain the specific infertility stress. Depression explains the loss of pleasure on the sexual relation and on the partner relationship. The fertility inadaptation is only explained by the parenthood main project. The majority of this infertile men and women were emotionally adjusted and determined to achieve their objectives without elevated anxiety, depression or stress. This suggests a huge variability in the response to an infertility situation. Although it is relevant to identify the possible aspects that can take to inadaptation, not always is necessary a psychological intervention.
Descrição: Dissertação de Metrado em Psicologia da Gavidez e da Parentalidade
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/634
Aparece nas colecções:PSAU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM LOPE-V1.pdf10,76 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.