Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/609
Título: Utilização do correio electrónico em contexto organizacional: Influências sobre a atitude, adequabilidade e utilização
Autor: Lopes, Custódio F.
Orientador: Cunha, Miguel Pina e
Palavras-chave: Psicologia organizacional
Comportamento organizacional
Atitudes
Comunicação
Comunicações electrónicas
Organizações
Organizational psychology
Organizational behaviour
Attitudes
Communication
Organizations
Electronic comunication
Data de Defesa: 2001
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: As organizações são presentemente confrontadas com uma diversidade de novas tecnologias de informação e comunicação, e consequentemente por um maior número de meios de comunicação, entre os quais o correio electrónico. Os gestores estão conscientes, por um lado, do referido aumento do número de meios de comunicação, e por outro, das potencialidades associadas às novas tecnologias, as quais podem trazer eventuais benefícios para a organização, caso venham a ser adoptadas e implementadas. Contudo, é importante que tenham também em consideração o facto de que a instituição ou normalização da utilização destas novas tecnologias está dependente das oportunidades que possam vir a ser criadas ao nível da formação e treino das pessoas que trabalham nas suas organizações, pois as atitudes e os comportamentos das pessoas face a essas tecnologias são na sua maioria idiossincráticas e contingentes a determinados factores, tais como: factores situacionais, factores sociais e factores pessoais/tecnológicos. Os diversos estudos até agora realizados sobre as atitudes e comportamentos das pessoas face aos meios de comunicação, tomaram possível o aparecimento e desenvolvimento de diferentes perspectivas teóricas, das quais se salientam a teoria da riqueza de informação dos meios de comunicação, a teoria da influência social, a perspectiva teórica da experiência e aptidão individual na utilização da tecnologia e o modelo de aceitação da tecnologia, que tentam explicar ou aumentar os nossos conhecimentos sobre tais fenómenos. Estas perspectivas teóricas têm sido muitas das vezes utilizadas de uma forma individualizada, como se estivessem em campos independentes ou fossem estanques umas em relação às outras, e raramente foram utilizadas numa perspectiva de complementaridade. Por outro lado, tem-se estudado as atitudes das pessoas face aos meios de comunicação e a utilização dos mesmos e ocasionalmente a adequabilidade dos meios de comunicação para o desempenho de tarefas comunicacionais. Tendo como base as referidas perspectivas teóricas para a formulação das hipóteses, este trabalho teve como objectivo o estudo de factores (situacionais, sociais e pessoais/tecnológicos) que influenciam a atitude face ao correio electrónico sua adequabilidade e utilização, no contexto organizacional. O estudo de campo foi efectuado numa organização militar, o Instituto Hidrográfico, tende os dados sido obtidos através de um questionário, aplicado a todos os trabalhadores utilizadores de correio electrónico, num total de 156 indivíduos (homens e mulheres). Os resultados obtidos sugerem que a atitude das pessoas face ao correio electrónico foi influenciada consistentemente pela percepção da riqueza de informação do correio electrónico, seguida da percepção da atitude dos chefes imediatos e pela percepção da facilidade de utilização. No que diz respeito à percepção da adequabilidade do correio electrónico, esta foi mais influenciada pela percepção da riqueza de informação do correio electrónico, seguida da ambiguidade da mensagem electrónica, nível de aptidão individual número de receptores e, parcialmente, pela distância entre o emissor e os receptores da mensagens. Quanto à utilização do correio electrónico, esta variável foi mais influenciada pelo nível de aptidão individual e pela percepção da facilidade de utilização, seguidas da percepção da atitude dos colegas de trabalho. Os resultados, de um modo geral, suportaram a adopção de um modelo de integração das diferentes perspectivas teóricas, no estudo de factores que influenciam a atitude, a adequabilidade e a utilização do correio electrónico, contribuindo assim para uma melhor compreensão das atitudes e comportamentos das pessoas em relação aos meios de comunicação.
Descrição: Dissertação de mestrado em Comportamento Organizacional
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/609
Aparece nas colecções:PORG - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM LOPE-CF1.pdf4,3 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.