Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/6045
Título: Aspetos psicofisiológicos da interação mãe/pai-bebé
Autor: Pereira, Sara
Costa, Raquel
Tojal, Catarina
Tendais, Iva
Palavras-chave: Interação mãe-bebé
Interação pai-bebé
Resposta fisiológica
Face-to-face still-face
Arritmia sinusal respiratória
Frequência cardíaca
Condutância da pele
Mother-infant interaction
Father-infant interaction
Physiological response
Respiratory sinus arrhythmia
Heart rate
Skin conductance
Data: 2017
Editora: ISPA – Instituto Universitário
Citação: Análise Psicológica, 35(4), 453-467 doi: 10.14417/ap.1271.
Resumo: Apesar de se conhecer a importância da qualidade dos comportamentos na interação mãe-bebé e pai- -bebé, pouco se conhece sobre os aspetos fisiológicos que lhes estão subjacentes. Objectivo: descrever a resposta fisiológica de mães e pais durante a interação com os filhos. Para o efeito registou-se a frequência cardíaca, a arritmia sinusal respiratória e a condutância da pele de 24 mães e 13 pais durante a interacção com o bebé de acordo com o protocolo Face-to-Face Still-Face (FFSF). Resultados: Verifica-se um aumento da frequência cardíaca durante o episódio face-a-face, uma diminuição no episódio still-face e novo aumento no episódio de recuperação. Verifica-se uma diminuição da arritmia sinusal respiratória durante o episódio face-a-face, um aumento no episódio still-face e nova diminui - ção no episódio de recuperação. No que diz respeito à condutância da pele, as respostas de mães e pais seguem padrões diferentes: nas mulheres verifica-se um aumento durante o episódio face-a-face, uma diminuição no episódio still-face e novo aumento no episódio de recuperação enquanto que nos homens verifica-se aumento consecutivo da condutância da pele ao longo do procedimento FFSF. Conclusão: Este estudo contribui para a compreensão das respostas fisiológicas de mães e pais durante a interação com os seus bebés.
Although the importance of the quality of behaviors in the mother-infant and father-infant interaction is recognized, knowledge on the physiological aspects that underlie it is still scarce. Objective: to describe the physiological response of mothers and fathers during interaction with their infants. For this purpose, heart rate, respiratory sinus arrhythmia and skin conductance of 24 mothers and 13 fathers were recorded during interaction with the infant according to the Face-to-Face Still-Face (FFSF) protocol. Results: There was an increase in heart rate during the face-to-face episode, a decrease in the still-face episode and a new increase in the recovery episode. There is a decrease in respiratory sinus arrhythmia during the face-to-face episode, an increase in the still-face episode and a further decrease in the recovery episode. Regarding skin conductance, the responses of mothers and fathers follow different patterns: in women there is an increase during the face-to-face episode, a decrease in the still-face episode and a new increase in the recovery episode while in men there is a consistent increase in skin conductance throughout the FFSF procedure. Conclusion: This study contributes to the understanding of the physiological responses of mothers and fathers during the interaction with their infants.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/6045
DOI: 10.14417/ap.1271
ISSN: 0870-8231
Versão do Editor: http://publicacoes.ispa.pt/index.php/ap/article/view/1271
Aparece nas colecções:PDES - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2017_35(4)_453.pdf152,58 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.