Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5997
Título: Depois do crime e da prisão ... A probation: Um estudo fenomenológico
Autor: Sécio, Marta Santos Furtado
Orientador: Rodrigues, Vitor Amorim
Palavras-chave: Crime
Prisão
Giorgi
Probation
Crime
Prison
Data de Defesa: 2017
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo principal a compreensão e exploração da experiencia de probation em indivíduos condenados criminalmente e com vivencia em meio prisional, por outras palavras, perceber o fenómeno de estar em probation. A metodologia aplicada neste trabalho foi a utilização do método fenomenológico de Amadeu Giorgi, para estudar os fenómenos vividos. A amostra é constituída por quatro participantes do sexo masculino, que vivenciaram a reclusão e no seguimento da sua pena, uma medida não privativa da liberdade, com idades compreendidas entre os 20 e os 41 anos. Os resultados revelam que o significado da experiencia da probation está fundamentalmente relacionada com o sentimento da falta de apoio institucional. Esta falta de apoio das Instituições, segundo os participantes deste estudo, pode conduzir os sujeitos à reincidência. Ao longo desta experiencia foi identificada a descriminação como entrave ao futuro dos sujeitos. Sentimentos de angustia e sofrimento psicológico durante este período, podem ser superados e apaziguados através do suporte familiar, como transformador, sendo inclusive o mesmo, motivador para a mudança do comportamento criminal.
ABSTRACT: The present work has as main objective the understanding and exploration of the experience of probation in individuals condemned criminally and living in prison, in other words, to understand the phenomenon of being in probation. The methodology used in this work was the phenomenological method of Amadeo Giorgi, to study the phenomenon experienced. The sample is made up of four male participants, who experienced imprisonment and followed a non-custodial measure, aged between 20 and 41 years. The results reveal that the meaning of the probation experience is fundamentally related to the sense of lack of institutional support. This lack of support from the institutions, according to the participants of this study, can lead the subjects to recidivism. Throughout this experience, discrimination was identified as an obstacle to a future. Feelings of anguish and psychological distress during this period can be overcome and appeased through family support, the same, motivating to change criminal behavior.
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5997
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
20811-RA.pdf752,32 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.