Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5925
Título: Symptoms of anxiety and depression in the portuguese elderly
Autor: Sousa, Rute Dinis de
Orientador: Gouveia, Maria João Pinheiro Morais
Palavras-chave: Idosos
Ansiedade e depressão
Doenças crónicas não transmissíveis
Estilos de vida
Qualidade de vida
Elderly
Anxiety and depression
Non-communicable chronic diseases
Lifestyles
Quality of life
Function
Data de Defesa: 2017
Resumo: Introdução: O envelhecimento da população é uma tendência a longo prazo que começou há várias décadas em todo o mundo. A ansiedade e depressão nos idosos são consideradas problemas importantes das sociedades modernas. Objetivos: Este estudo dedicou-se à análise da prevalência de ansiedade e depressão e dos seus factores relacionados, na população idosa portuguesa. Método: Os dados derivam da coorte EpiDoC – o estudo EpiDoC 2. A coorte EpiDoC, representativa da população adulta portuguesa, é composta por 10.661 adultos. Este estudo incluiu os participantes da segunda avaliação de seguimento do estudo EpiDoC 2 com mais de 64 anos, que responderam ao Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS), n = 1.680. Foram recolhidos dados sociodemográficos, estilos de vida, doenças crónicas auto-reportadas, qualidade de vida (EQ-5D-3D), funcionalidade (HAQ) e informação sobre o consumo de recursos em saúde. A ansiedade e depressão foram avaliadas através do HADS. Resultados: A prevalência de ansiedade nos idosos é de 9,59% e 11,77% para depressão. A ansiedade e mais frequente em idosos com baixo nível de escolaridade e em mulheres. Neste trabalho verificámos que a pior qualidade de vida e incapacidade funcional se associam a ansiedade. Relativamente à depressão, verificámos que é mais frequente em idosos do sexo feminino, que vivam sozinhos, com baixo nível de escolaridade e baixo rendimento. Também a depressão se associou a pior capacidade funcional e qualidade de vida. Conclusão: A ansiedade e depressão são frequentes nos idosos portugueses e associam-se a pior qualidade de vida e a incapacidade funcional independentemente de outras doenças crónicas. O nível de educação é diferenciador desta população em termos de ansiedade e depressão.
Introduction: Population aging is a long-term trend that began several decades ago around the World. Anxiety and depression in the elderly are well studied around the world, and some authors consider them one of the most serious problems faced by modern societies. Objectives: The present study is dedicated to the analysis of anxiety and depression prevalence, and their related factors, among Portuguese elderly people. Methods: Data derived from second wave of follow up for EpiDoC Cohort – EpiDoC 2 study. EpiDoC Cohort is representative of adult Portuguese population, composed by 10,661 adults. The current study included all ≥ 65 years old EpiDoC 2 study participants, who responded to Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS), n=1,680. A structured questionnaire was applied through computed assisted phone call interviews to all EpiDoC participants. Sociodemographic, lifestyles, self-reported non-communicable diseases, health related quality of life (EQ-5D-3D), physical function (HAQ) and health resources consumption information were collected. Anxiety and depression were assessed with HADS. Anxiety and depression prevalence were estimated according to study design. Multivariable linear regression was used to determine anxiety and depression score determinants. Results: Portuguese elderly have prevalence of 9.59% for anxiety, and 11.77% for depression. Anxiety was more frequent in women and in participants with lower educational level. Depression was also more frequent in women and in elderly with lower educational level, with low household composition and living alone. Low quality of life and physical disability were independently associated to both anxiety and depression score. Discussion: Anxiety and depression are frequent among Portuguese elderly. Health-related quality of life and physical function are independently associated with anxiety and depression score.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada no ISPA - Instituto Universitário para a obtenção de grau de Mestre na especialidade de Psicologia Clínica
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5925
Designação: Mestrado Integrado em Psicologia
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
24995.pdf1,17 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.