Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.12/5759
Title: «Aventura social» na multicultura
Author: Matos, Margarida Gaspar de
Keywords: Desenvolvimento
Competência social
Promoção de competências
Multicultura
Exclusão social
Development
Multicultural
Social competence
Promoting competence
Social withdrawal
Issue Date: 1997
Publisher: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citation: Analise Psicológica XV(3), 425-431
Abstract: Este trabalho descreve a aplicação de um programa de promoção de competências sociais, a um grupo de 60 jovens, alunos do I.', 2.", 3." ciclo, com idades compreendidas entre os 6 e os 13 anos, sendo 35% de ascendência portuguesa e 65% filhos de imigrantes de países Africanos de expressão Portuguesa, maioritariamente Caboverdianos. Estes jovens frequentam três Escolas do Concelho da Amadora duas do I." ciclo e uma B2+3. Estes jovens, incluidos no projecto ((Aventura social)), frequentaram um programa de promoção de competências de relacionamento interpessoal (Matos 1993, 1994), que incluiu três componentes: I ) comunicação interpessoal verbal e não verbal; 2) resolução de problemas e gestão de conflitos; 3) promoção de competências sociais básicas e da assertividade. Como avaliação pre-pós utilizou-se um sociograma de classificação. De acordo com esta medida os jovens foram significativamente avaliados de maneira mais positiva pelos colegas na pós avaliação. Os jovens com estatuto socio-económico médio obtiveram significativamente melhores resultados sociométricos. «Per si)), 430 a sua ascendência (português ou imigrante) não pareceu determinante na obtenção de bons resultados.
ABSTRACT: This work aims at describing a Social Skills Promotion program with a group of 60 youngsters, aged between 6 and 13, attending regular schools, 35% with a Portuguese background and 65% with an Portuguese speaking African background (mostly Cap Vert). This program included three main contents (Matos, 1993, 1994): 1) interpersonal communication - verbal and non-verbal; 2) problem solving and conflict management; 3) social skills and assertiveness promotion. A sociogram was used as a pre-post evaluation. According to this evaluation children were rated significantly more positively in post evaluation. Youngsters with average SES, reached higher improvements. Background (Portuguse or African) was not «per si» relevant except when coinciding with a poverty status.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5759
ISSN: 0870-8231
Appears in Collections:PSOC - Artigos em revistas nacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1997_3_425.pdf441,7 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.