Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/542
Título: Prevenção e controlo da infecção VIH / SIDA em populações migrantes: Desafios à psicologia comunitária
Autor: Gama, Ana Filipa de Mendonça da
Palavras-chave: Psicologia comunitária
Prevenção
Migração
SIDA
Serviços de saúde
Prevenção da saúde
Community psychology
Prevention
Migrants
AIDS
Health services
Health prevention
Data de Defesa: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: Tem sido reconhecido que as populações migrantes se encontram especialmente vulneráveis à infecção pelo VIH/SIDA, por diversos factores associados ao processo migratório. Essa vulnerabilidade pode ainda ser potenciada por barreiras no acesso e sub-utilização dos serviços de saúde na procura de informação, cuidados e diagnóstico. No sentido de conhecer o tipo de utilização dos serviços de saúde por parte de populações imigrantes foi aplicado um questionário a 522 imigrantes africanos residentes em Portugal, no CNAI (ACIDI) em Lisboa. Foi analisado o tipo de serviços que utilizariam no contexto do VIH/SIDA, a fonte de informação privilegiada sobre a infecção, a procura efectiva dessa informação no SNS e a realização do diagnóstico. Os resultados do estudo indicam que o tipo de serviços de saúde que os inquiridos utilizariam no contexto do VIH/SIDA está relacionado com o nível educacional (p=0.026) e tempo de residência em Portugal (p=0.029). Verificou-se que a fonte de informação sobre VIH/SIDA privilegiada pelos inquiridos está relacionada com o nível educacional (p=0.003) e situação económica (percebida) (p=0.005). Por fim, apurou-se que a realização do diagnóstico do VIH pelos inquiridos está relacionada com o sexo (p=0.025), idade (p=0.000) e nível educacional (p=0.005). Uma prevenção e controlo eficazes da infecção pelo VIH/SIDA junto das populações imigrantes envolve a promoção do acesso universal e utilização dos serviços de saúde, para cuidados, informação e diagnóstico do VIH. O sucesso destas estratégias implica o envolvimento e participação destas comunidades, sendo fundamental promover o seu empowerment. Deve aprofundar-se o conhecimento sobre as condições e factores de utilização e acesso aos serviços de saúde em VIH/SIDA por parte destas populações. Será fundamental desenvolver políticas inclusivas de imigração e integração, e promotoras de uma sociedade adaptada à diversidade cultural. ABSTRACT Immigrant populations are considered to be particularly vulnerable to HIV/AIDS infection, due to several factors related to migration process. That vulnerability may also be increased by barriers in accessing health services and their under-utilization for information, care and diagnosis. To understand the health services utilization by immigrant populations it was applied a questionnaire to 522 African immigrants residing in Portugal, at CNAI (ACIDI) in Lisbon. It was analysed the kind of services they would use for HIV/AIDS care, their privileged source of information about the disease, the search of that information on the NHS and HIV testing. The results of the study show that the kind of health services respondents would use for HIV/AIDS care is related to its educational level (p=0.026) and residence years in Portugal (p=0.029). It showed that respondents’ privileged source of information about HIV/AIDS was related to their educational level (p=0.003) and (perceived) economic situation (p=0.005). The results indicated also that HIV testing was related to sex (p=0.025), age (p=0.000) and educational level (p=0.005). Efficacious prevention and control of HIV/AIDS for immigrant populations involves the promotion of universal access and utilization of health services, for care, information and HIV diagnosis. These strategies’ success requires the involvement and participation of immigrant communities, and therefore it is crucial to promote their empowerment. It is important to keep addressing the conditions and factors of health services utilization by these populaces. It will be fundamental to develop inclusive policies for immigration and integration, which enhance a society adapted to cultural diversity.
Descrição: Dissertação de mestrado em Psicologia Comunitária
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/542
Aparece nas colecções:PCOM - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM GAMA-A1.pdf7,34 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.