Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5412
Título: Gestão do conhecimento e competitividade organizacional: Um modelo estrutural
Autor: Cardoso, Leonor
Palavras-chave: Gestão do conhecimento
Competitividade organizacional
Modelo de equações estruturais
Questionário de gestão do conhecimento
Indicadores de desempenho organizacional
Knowledge management
Organizational competitiveness
A structural equation modelling
Knowledge management questionary
Oganizational performance indicators
Data: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Comportamento Organizacional e Gestão, 13(2), 191-211.
Resumo: A generalidade dos autores que se dedica ao estudo da gestão do conhecimento sustenta a existência de uma relação entre esta e o desempenho organizacional, numa óptica de criação e manutenção de vantagens competitivas sustentáveis. Neste artigo apresentamos um modelo de equações estruturais, através do qual se procura testar, na globalidade e para a mostra estudada (50 organizações industriais do Distrito de Viseu), a validade do pressuposto teórico enunciado, avaliando relações de dependência ou interdependência simultâneas entre um conjunto de variáveis que evidenciou possuir relações de maior magnitude em estudos prévios e no âmbito dos quais utilizámos análises de regressão múltipla. Os resultados obtidos sugerem a existência de um impacto positivo da gestão do conhecimento na competitividade organizacional, reforçando as conclusões retiradas a partir das análises de regressão múltipla previamente realizadas, e sustentando empiricamente o modelo teórico de que partimos.
Most authors who focus on the study of knowledge management claim the existence of a relationship between this and organizational performance, from a perspective of creating and maintaining sustainable competitive advantages. In this article we present a structural equation modelling, through which we aim to test, generally and for the sample under study (50 industrial organizations in the District of Viseu), the validity of the theoretical assumption mentioned, assessing relationships of simultaneous dependence or interdependence between a set of variables that showed relationships of greater magnitude in previous studies and to do so we used multiple regression analyses. The results obtained suggest the existence of a positive impact of knowledge management on organizational competitiveness, reinforcing the conclusions drawn from multiple regression analyses previously carried out, and holding up empirically the theoretical model we set out from.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5412
ISSN: 0872-9662
Aparece nas colecções:PORG - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
COG, 13(2), 191-211.pdf239,57 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.