Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5409
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorSena, Clemente Ana Paula-
dc.date.accessioned2017-04-21T11:42:42Z-
dc.date.available2017-04-21T11:42:42Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier.citationIn L. Mata, F. Peixoto, J. Morgado, J. C. Silva & V. Monteiro (Eds.), Actas do 12.º Colóquio Internacional de Psicologia e Educação: Educação, aprendizagem e desenvolvimento: Olhares contemporâneos através da investigação e da prática (pp.459-470). Lisboa: ISPA - Instituto Universitáriopt_PT
dc.identifier.isbn978-989-8384-15-7-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.12/5409-
dc.description.abstractA natureza da morte, bem como a própria realidade do morrer, remetem para a estruturação da própria vida, modela o significado das nossas vivências assim como das relações sociais. Atualmente o contexto sócio cultural em que a morte é apresentada, exige que, do ponto de vista educativo, este tema seja abordado e enquadrado na escola numa perspetiva multidisciplinar e globalizante de forma a ajudar as crianças a enfrentarem os seus medos face à morte e ao desconhecido. Assim sendo, os profissionais de educação no geral e os educadores de infância em particular têm de estar preparados para tal. Esta comunicação centra-se nas representações que os educadores de infância têm sobre a temática da morte e pretende fazer uma caraterização dessas mesmas representações. Foram aplicadas Escalas Breves sobre Diversas Perspetivas da Morte, Oliveira e Neto (2004), a todos os educadores do concelho de Almada (220), as quais nos permitiram constatar um quadro bastante abrangente de representações face à morte. Concluiu-se que as dimensões que as escalas permitem avaliar e que mais se evidenciam se apresentam pela seguinte ordem: morte como desconhecido, fim natural, vida além, coragem, fracasso, sofrimento, abandono com culpabilização e por fim a indiferença. Verificamos também a existência de diferenças estatísticas interessantes entre as diferentes dimensões, e a faixa etária.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.publisherISPA – Instituto Universitáriopt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/pt_PT
dc.subjectRepresentaçõespt_PT
dc.subjectMortept_PT
dc.subjectEducaçãopt_PT
dc.titleAs representações sociais da morte: um estudo com educadores de infânciapt_PT
dc.typeconferenceObjectpt_PT
dc.description.versioninfo:eu-repo/semantics/publishedVersionpt_PT
degois.publication.firstPage459pt_PT
degois.publication.lastPage470pt_PT
degois.publication.locationLisboapt_PT
degois.publication.titleActas do 12.º Colóquio Internacional de Psicologia e Educação: Educação, aprendizagem e desenvolvimento: Olhares contemporâneos através da investigação e da práticapt_PT
Aparece nas colecções:PEDU - Actas de reuniões cientificas

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CPE_12_459-470.pdf290,02 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.