Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5270
Título: “Victim identification: emotional and vulnerability perception in the psychopath.”
Autor: Andrade, Catarina Fernandes
Orientador: Marques, Teresa Garcia
Palavras-chave: Psicopatia
Vulnerabilidade
Emoções
Psychopathy
Vulnerability
Emotions
Data de Defesa: 2014
Resumo: Este projecto tem como finalidade o estudo, a avaliação e a comparação das percepções de emoções e vulnerabilidade em indivíduos psicopatas e encarcerados no Estabelecimento prisional do Linhó. Entre os autores principais, destacam-se Blair, 2006 e Hare, 1991. Vários estudos por estes autores encontraram um défice na amidgala basolateral que dificulta a percepção de emoções, como o medo e a tristeza, em indivíduos diagnosticados com psicopatia. Por outro lado, destaca-se a capacidade destes indivíduos em ler linguagem corporal e expressões faciais durante o processo de selecção de vítimas. A população em questão é composta por 24 participantes divididos em dois grupos: 12 psicopatas e 12 não psicopatas com uma estimativa de idades compreendidas entre os 18 e 30 anos. Este estudo fundamenta-se em três questões: Será que os psicopatas sofrem de um défice na percepção das emoções? Podem os psicopatas identificar emoções correctamente quando focam a sua atenção na região dos olhos? Os psicopatas associam medo e tristeza a vulnerabilidade? Os participantes são classificados como psicopatas com base no PCL-R e as percepções de emoções e de vulnerabilidade por avaliação de varias expressões faciais em várias faces. Numa terceira condição experimental, é chamada a atenção para a zona dos olhos dos alvos. Espera-se que, os psicopatas teriam mais dificuldades em identificar emoções de medo e tristeza do que os não psicopatas. Quando a sua atenção está focada na região dos olhos, os psicopatas recuperam a sua capacidade de identificar emoções que a população não psicopata, podendo chegar a atingir níveis idênticos. Pressupondo a identificação de vulnerabilidade como superior nos psicopatas, espera-se que estes possam ter mais tendência a associar as emoções de tristeza e medo a vulnerabilidade.
ABSTRACT: The objective of this project is to study, evaluate, and compare emotional perception and vulnerability in psychopathic individuals incarcerated in the correctional facility of Linhó. Among the most cited authors, Blair, 2006 and Hare, 1991 are highlighted. Various studies by these authors highlighted a deficit in the basolateral amydgala, which affects emotional perception, such as fear and sadness, in individuals diagnosed with psychopathy. On the other hand, these individuals show a higher capacity to read body language and facial expressions during the process of victim selection. The population in question is composed by 24 participants divided into two groups: 12 psycopaths and 12 non-psychopaths with an age estimate ranging from 18 to 30 years. The present study is based on three questions: Do psychopaths really have an emotional perception deficit? Can psychopaths identify emotions more accurately when focusing their attention on the eyes? Do Psychopaths associate fear and sadness with vulnerability? The participats are classified as psychopaths through the PCL-R interview, and the emotion and vulnerability perceptions using emotional expressions in faces. In a third experimental condition, it is called for attention in the eye region of the target faces. We expect that psychopaths would have more difficulty in identifying emotions of fear and sadness than nonpsychopaths. When their attention is focused on the eye region, psychopaths would recuperate their capacity to identify emotions like the non-psychopathic population, possibly reaching identical level in accuracy. Supposing that the identification of vulnerability is heightened in psychopathy, it is expected that they can have a higher tendency to associate sadness and fear to vulnerability.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5270
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:PLEG - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
21622.pdf1,27 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.