Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/5154
Título: Metacognitive awareness inventory (MAI): Adaptação e validação da versão portuguesa
Outros títulos: Metacognitive awareness inventory (MAI): Adaptation and validation of portuguese version
Autor: Ribeiro, Rui Bártolo
Simões, Mário R.
Almeida, Leandro da Silva
Palavras-chave: Metacognição
Avaliação da metacognição
Metacognitive awareness inventory (MAI)
Psicometria
Validade de critério
Metacognition
Assessment of metacognition
Psychometrics
Criterion validity
Data: 2015
Editora: Associação Iberoamericana de Diagnóstico e Avaliação Psicológica
Citação: Revista Iberoamericana de Diagnóstico y Evaluación/e Avaliaçao Psicológica, 2, 143-159. Doi: 10.21865/RIDEP42_145
Resumo: O Metacognitive Awareness Inventory (MAI) de Schraw e Dennison (1994) avalia duas dimensões metacognitivas de natureza geral nos adolescentes e adultos: o conhecimento da cognição, que inclui três subprocessos, e a regulação da cognição, que compreende cinco subprocessos. Neste estudo apresenta-se o processo de tradução e de adaptação do MAI à população portuguesa. A consistência interna nas dimensões conhecimento e regulação da cognição foi 0,82 e 0,90, respetivamente. Os resultados da Análise Fatorial Confirmatória sugerem um fator de segunda ordem com base na correlação dos resultados nas duas dimensões. A subescala conhecimento declarativo apresentou melhor validade relativa ao critério comparativamente com as demais subescalas. O MAI constitui-se um instrumento adaptado à realidade portuguesa, tanto para a avaliação da metacognição no global, como nas suas dimensões principais, permitindo apoiar a investigação relativa ao rendimento em processos de aprendizagem e formação na população adulta e de adolescentes.
The Metacognitive Awareness Inventory (MAI) of Schraw and Dennison (1994) assesses two general metacognitive dimensions in adolescents and adults: knowledge of cognition, which includes three subprocesses, and regulation of cognition, which has five subprocesses. This study shows the process of translation and adaptation of MAI to the Portuguese population. Internal consistency in the dimensions knowledge and regulation of cognition was 0.82 and 0.90, respectively. The results of Confirmatory Factor Analysis suggest a factor of second order based on the correlation of two main dimensions. The declarative knowledge subscale showed better criterion validity compared to the other subscales. The MAI constitutes an adapted instrument to the Portuguese reality both for the assessment of a global metacognition score and in their two main dimensions, allowing research into the performance in learning and training processes in adults and adolescents.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/5154
DOI: 10.21865/RIDEP42_145
ISSN: 1135-3848
Aparece nas colecções:MTI - Artigos em revistas internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RIDEP, 2, 143-159.pdf433,3 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.