Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/493
Título: Concepção dos professores do ensino regular sobre os apoios educativos e praticas pedagógicas diferenciadas
Autor: Duarte, Andreia
Palavras-chave: Psicologia educacional
Escola primária
Professores
Ensino
Instrumentos
Educational psychology
School education
Teachers
Teaching
Instruments
Data de Defesa: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: O presente estudo acentua a importância de investigar, no âmbito de uma educação inclusiva, as concepções dos professores do 1º, 2º e 3º ciclo face aos apoios educativos e a práticas pedagógicas. Procedeu-se a uma revisão de literatura que abrange a evolução histórica da educação especial, o papel dos professores de ensino regular e dos professores dos apoios educativos, as estratégias metodológicas do ensino e, por fim, as práticas educativas que conduzem a uma escola que promove a diferenciação pedagógica, o que conduz à qualidade educativa. Delineámos três objectivos, sendo que o primeiro se prende com o facto de comprendermos quais as concepções dos professores do ensino regular sobre os apoios educativos, o segundo com a caracterização do nível de importância atribuído pelos mesmos a um conjunto de práticas pegógicas, reconhecidas na literatura como promotoras de qualidade e inclusão e, o terceiro com a identificação do nível de dificuldade atribuída pelos professores à utilização em sala de aula das diferentes práticas pedagógicas referidas. Em concordância com os nossos objectivos, desenvolvemos o estudo com 116 professores do ensino regular, a leccionarem o nível de ensino básico, 1º, 2º e 3º ciclo, e que exercem as suas funções em três agrupamentos de escola diferentes. Dadas as características deste estudo, utilizámos dois questionários como método de recolha de dados. Considerámos as variáveis experiência docente (professores mais experientes vs professores menos experientes), o género (masculino vs. feminino) e o nível de ensino básico leccionado (1º, 2º ou 3º ciclo). O primeiro questionário pretendia avaliar as concepções dos professores sobre os apoios educativos e está organizado tendo por base três temáticas fundamentais: Tema A "Apoios Educativos - Organização e Dinâmica da Escola", Tema B "Colaboração/Articulação com outros Docentes e Serviços" e o Tema C "Procedimentos/Modalidades de Apoio Educativo". O segundo questionário tinha por objectivo avaliar a importância e dificuldade atribuída a um conjunto de práticas/procedimentos, agrupados em diferentes áreas de funcionamento da gestão pedagógica da sala de aula: Planeamento, Organização do Trabalho dos Alunos, Clima Social, Avaliação, Actividades/Tarefas de Aprendizagem e Materiais/Recursos. O estudo revelou que o discurso dos professores do ensino regular, embora deixe transparecer alguns sinais de mudança, revela ainda algumas reticências em relação a determinados aspectos dos apoios educativos. Por intermédio da análise estatística, e face aos resultados referentes ao primeiro questionário foram encontradas diferenças significativas relativamente ao género, no Tema A, à experiência docente no Tema A, B e C, e, por último, relativamente ao nível de ensino básico leccionado no Tema A e C. Concluímos que os professores do ensino regular reconhecem adequadamente as funções dos professores dos apoios educativos, contudo consideram que esses professores não exercem de forma satisfatória essas mesmas funções. No que concerne aos resultados que advêm do segundo questionário, podemos afirmar que foram encontradas diferenças significativas nas três variáveis em estudo (género, experiência docente e nível de ensino básico leccionado). Os resultados sobre as práticas pedagógicas permitem constatar que, grande parte dos professores reconhece a importância das práticas/procedimentos pedagógicos referidos, contudo atribuem um nível de dificuldade significativo na implementação dos mesmos em contexto de sala de aula. ABSTRACT : The present study accents the importance of investigating, in the context of an inclusive education, the conceptions of the teachers of the 1st, 2nd and 3rd cycle face to the special education and to pedagogical practices. We proceed to a literature review covering the historical development on the special education field, the role of the regular and special education teachers, the methodological strategies of the teaching and, finally, the educative practices that lead to a school centred on pedagogical differentiation. We outlined three objectives: the first one is related to the understandings of which are the conceptions of the regular teachers about the special education; the second one consists to characterize the importance level attributed by them to a set of pedagogical practices, recognized by literature as quality and inclusion promoters; the third is related to identify the difficulty level attributed by those teachers to implement the different pedagogical practices in classroom. In agreement with our objectives, we develop this study with a sample of 116 regular teachers, teaching in the 1st, 2nd and 3rd cycle, and practising his functions in three different groupings of school. Given the characteristics of this study, we used two questionnaires as a method of gathering data. As independent variables were defined teaching experience (most experience teachers vs. less experienced teachers), the gender (male vs. female) and the level of teaching (1st, 2nd or 3rd cycle). The first questionnaire intended to evaluate the conceptions of regular teachers on the special education and it is organized with base on three fundamental themes: A-"Special Education - Organization and Dynamics of the School", B-"Collaboration/Articulation with other Teachers and Services", and C-"Proceedings of Special Education". The second questionnaire pretend to identify the importance and difficulty level to a set of pedagogical practices/procedures, grouped in different areas: Planning, Pupil`s Work Organization, Social Climate, Evaluation, Activities/ Tasks of Apprenticeship and Materials/Resources. The study suggests that the speech of regular teachers, though indicate some signs of change, also reveals some reservation regarding certain aspects of the special education. Through the statistical analysis of the first questionnaire, we found significant differences regarding to gender in the theme A, to teaching experience in the themes A, B and C, and, at last, relatively to the level of teaching in the themes A and C. We conclude that the regular teachers recognize appropriately the functions of the special education teachers, however, they consider that these functions are not carried out in a satisfactory way. Relatively to the results attached to pedagogical practices/procedures we found significant differences in the three variables (gender, teaching experience and level of teaching). The results about the pedagogical practices show that most of the teachers recognize the importance of the pedagogic practices/procedures, however they consider these difficult to implement in context of classroom.
Descrição: Dissertação de mestrado em Psicologia Educacional
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/493
Aparece nas colecções:PEDU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM DUAR-A1.pdf18,98 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.