Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/4241
Título: Destruir – (Re)Construir: A reparação simbólica numa aplicação conjunta – Rorschach entre mãe e filho
Autor: Pereira, Margarida da Silva Ferro Costa
Orientador: Marques, Maria Emília
Palavras-chave: Reparação simbólica
Aplicação conjunta Rorschach
Simbolização
Transformação
Expansão mental
Symbolic reparation
Joint Rorschach application
Symbolization
Mental expansion
Data de Defesa: 2010
Resumo: Neste estudo considerámos fundamental analisar os processos psíquicos de reparação, enquanto movimentos inerentes e presentes em todo o funcionamento e psiquismo humano, que se manifestam num início precoce e se desenvolvem ao longo da vida. Temos como base as concepções de Houzel sobre a reparação simbólica, desenvolvidas a partir de um referencial kleiniano, pós kleiniano, e o modelo bioniano do desenvolvimento do pensamento e crescimento mental. Para aceder ao nosso objecto de estudo, utilizaremos o método Rorschach, numa lógica de aplicação conjunta a mãe e filho, possuindo este possibilidades profundas de acesso ao mundo interno dos sujeitos, numa dialéctica de comunicação, relação, simbolização e recriação dum novo objecto, procurámos alargar novas potencialidades deste instrumento com elaboração de determinados procedimentos de análise, com vista à reflexão dos processos psíquicos de reparação simbólica nas narrativas interligadas, relacionadas e criadas por mãe e filho. Encontrámos assim, na dinâmica projectiva conjunta, movimentos de procura de transformação e reparação, e simultaneamente outros símbolos paralizantes, de destruição, sempre que a dor mental se manifestava demasiado dolorosa, não podendo ser significada, transformada e reparada.
ABSTRACT: In this study we considered the analysis of the mental reparation processes, as important psychic movements, present in all human functioning, acquired in early stages and developed throughout life. We based our object of study on the concepts of Houzel on the symbolic reparation developed from a kleinian an post- kleinian reference, and the bionian model on the development of thought and mental growth. To access the object of our study, we use the Rorschach method in a logic of joint application between mother and child, having this instrument profound possibilities of access the inner world of subjects, in a dialectic of communication, interpretation, symbolization and recreation of a new object; we sought to extend the potential of this new instrument with the elaboration of certain review procedures, in order to reflect the mental symbolic reparation processes in the interconnected, related narratives created by mother and child. Thus we found, in the dynamic projective joint application, internal reparation movements and simultaneously the appearance of paralyzing and symbols of destruction, when the mental pain manifested itself too painful, in a way that it cannot be signified, transformed and repaired.
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/4241
Designação: Mestrado em Psicologia Aplicada
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
14057.pdf709,03 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.