Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/4162
Título: Validação do questionário de weness para a língua portuguesa em casais gerais e oncológicos
Autor: Miranda, Nádia
Orientador: Patrão, Ivone Alexandra Martins
Palavras-chave: Weness
Validação de questionário
Casais gerais e oncológicos
Questionnaire validation
General couples and oncologic
Data de Defesa: 2015
Resumo: Weness (W) avalia o sentimento de “nós”, a pertença do sujeito ao casal como uma unidade interdependente e não como dois sujeitos independentes (Pacheco, 2014). Quando promovido no seio dos casais de forma positiva pode melhorar o funcionamento, o bem-estar do casal e contribuir para a diminuição da taxa de divórcios (Carrèr, et al., 2000; Pacheco, 2014; Seider, et al., 2009). O objetivo principal do presente trabalho é a validação do questionário de Weness para a Língua Portuguesa numa população geral e oncológica (cancro da mama). O segundo objetivo é verificar a validade convergente/discriminante de Weness com o Dyadic Coping e a Satisfação Conjugal, para confirmar se são conceitos distintos. Participaram N= 250 casais [n=70 casais oncológicos (CO) e n=180 casais gerais (CG)]. A média de idades foi de 39.7 para as mulheres e 40.8 para os homens. O valor de α de Cronbach do questionário foi de 0,85 CG e 0,82 CO. O modelo proposto pela autora e o obtido pela AFE (10 fatores) apresentam um mau ajustamento. Contudo, a exploração do questionário reduzido, elaborado através da versão longa do questionário, mostra um ajustamento do modelo aceitável, tendo valores de X²/gl =2.68; CFI=0.84; GFI=0.83 e RMSEA=0.11 para CO; e X²/gl =3.48; CFI=0.91; GFI=0.91 e RMSEA=0.09 CG. A análise da validade convergente/discriminante revelou que os conceitos são distintos, W/DC conjunto e W/DC positivo do outro (r=0.29; p=0.00), W/DC positivo do próprio (r=0.24, p=0.00) e W/SC (r=0.20; p=0.00). Não se confirmou as propriedades psicométricas do Questionário de Weness, sendo necessário explorar mais com enfoque no formato reduzido (mais curto e acessível). Em estudos futuros dever-se-ão controlar variáveis como o tempo de relacionamento que poderão influenciar os valores de Weness.
ABSTRACT: Weness (W) evaluates the feeling of "us", association of the subject to couple as an interdependent unit rather than as two separate subjects (Pacheco, 2014). When promoted within couples positively it can also improve the action, the welfare of a couple and consequently reduce the divorce rate (Carrèr, et al., 2000; Pacheco, 2014; Seider, et al., 2009). The main objective of this work it’s the validation of the questionnaire Weness – QW (Pacheco, 2014) for Portuguese language in a sample of the general population and oncologic (breast cancer). The second objective is to check the convergent / discriminant validity Weness with Dyadic Coping and Marital Satisfaction, to confirm that they are distinct concepts. N = 250 couples participated [n = 70 couples cancer (CO) n = 180 couples General (CG)]. Participated N=250 couples [n=70 with breast cancer (CBC) and n=180 general (CG)]. The average age was 39.7 for women and 40.8 for men. The value of α Cronbach of the questionnaire was 0.85 CG and 0.82 CO. The model proposed by the author and obtained by AFE (10 factors) have a bad adjustment. However, the use of the reduced questionnaire developed through the long version of the questionnaire shows an adjustment of acceptable model, with values of X²/gl = 2.68; CFI = 0.84; GFI = 0.83 and 0.11 for RMSEA = CO; and X²/gl = 3.48; CFI = 0.91; GFI and RMSEA = 0.91 = 0.09 CG. The analysis of the converging / discriminant validity revealed that the concepts are separate, W / DC together and W / DC positive other (r = 0.29; p = 0.00) W / DC positive itself (r = 0. 24, p = 0.00) and W / SC (r = 0.20; p = 0.00). It was not confirmed the psychometric properties of Questionnaire Weness, requiring the continued exploitation of the questionnaire, with special emphasis to the reduced format (shorter and affordable). It is important duty will be in future studies to control variables such as length of relationship that influences Weness values.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/4162
Designação: Mestrado em Psicologia da Saúde
Aparece nas colecções:PSAU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
19861-OA.pdf1,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.