Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/4138
Título: O conhecimento das emoções em crianças com baixa visão
Autor: Oliveira, Ana Raquel Shirley de
Orientador: Veríssimo, Manuela
Palavras-chave: Competências emocionais
Conhecimento emocional
Baixa visão
Crianças
Emotional competences
Emotion knowledge
Visual Impairment
Children
Data de Defesa: 2015
Resumo: O principal objetivo deste estudo remete para a comparação do Conhecimento Emocional em Crianças Normovisuais e com Baixa Visão, procurando-se perceber a importância do papel da visão para o desenvolvimento das competências emocionais de um modo global, e mais concretamente no conhecimento das emoções. Participaram neste estudo 237 crianças com idades compreendidas entre os 36 e os 120 meses, da amostra inicial constituíram-se dois grupos: o grupo de estudo, constituído por 9 crianças com Baixa Visão com idades compreendidas entre os 44 e os 120 meses, remetendo o critério de inclusão para uma acuidade visual equivalente a 3/10 ou inferior; e o grupo de comparação que foi constituído por 18 crianças normovisuais, ou seja, com acuidades visuais após correção superiores a 3/10, escolhidas da amostra inicial de modo a serem o mais equivalentes possível ao grupo de estudo. No que concerne ao instrumento, foi utilizada a versão portuguesa do Affect Knowledge Test (Denham, 1986, Maló-Machado, Veríssimo & Denham, 2006) “Teste do Conhecimento das Emoções”. Os resultados demonstram que não existem diferenças estatisticamente significativas entre os grupos, o que permite concluir que a deficiência visual isolada não condiciona, por si só, limitações no desenvolvimento sócio-emocional. O presente estudo pretende constituir um contributo para salientar a pertinência da intervenção precoce e do sistema de suporte educacional às crianças com deficiência visual que deve ser adequado às necessidades visuais de cada criança e o mais sistematizado possível de modo a garantir igualdade de oportunidades de aprendizagem e desenvolvimento para todas as crianças.
ABSTRACT: The main objective of this study referred to the comparison of Emotional Knowledge in sighted and visually impaired children, seeking to realize the importance of vision in the development of emotional skills, and more specifically on the emotional knowledge. The sample consisted of 237 children aged 36 to 120 months, from which it was created two subsets: the study group, consisting of 9 children with low vision aged 44 to 120 months, where the inclusion criteria is having visual acuity equal to 3/10 or less; and the comparison group comprised by 18 children of the initial sample chosen to be as equivalent as possible to the study group, with visual acuity after correction exceeding 3/10. Regarding the evaluation instrument, it was used the Portuguese version of Affect Knowledge Test (Denham, 1986 Maló-Machado, Veríssimo & Denham, 2006). The results showed that there were no statistically significant differences between the two groups, which suggest that the isolated visual impairment does not have a direct impact on socio-emotional development limitations. This study is a contribution to enhance the relevance of early intervention and educational support system for children with visual impairment, which should be adequate to the visual needs of each child and systematized as much as possible to ensure equal learning opportunities and development for all children.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/4138
Designação: Mestrado em Psicologia Clínica
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
12797-OA.pdf917,1 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.