Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/4012
Título: Uma viagem pelo mundo de Eça de Queiroz : O incesto na obra “Os Maias”
Autor: Sousa, Inês Costa Martins de
Orientador: Carreiras, Maria Antónia Trigueiros de Castro
Palavras-chave: Eça de Queiroz
Os Maias
Amor
Incesto
Love
Incest
Data de Defesa: 2015
Resumo: José Maria Eça de Queiroz, um dos maiores romancistas portugueses do final do século XIX é autor de um vasto leque de obras editadas, entre as quais “Os Maias: episódios da vida romântica”, publicado em 1888 no Porto, cuja uma das temáticas centrais é o incesto fraternal, entre Carlos da Maia e Maria Eduarda, e tudo o que este acto acarreta numa sociedade tipicamente conservadora. O interesse e o sucesso intemporal do romance “Os Maias”, tanto junto do público em geral, como junto dos diversos estudiosos que sobre o autor e as suas obras se continuam a debruçar, dão a entender que a temática do incesto, nomeadamente, o fraternal, se mantém actual. Assim, ir-se-á abordar a definição de incesto, tanto do ponto de vista psicológico, como sociológico e antropológico de modo a tornar esta dissertação de mestrado mais rica e completa, como se ir-se-á, igualmente, abordar a questão da proibição e do tabu nesta prática. Esta dissertação, irá procurar compreender o incesto na literatura queirosiana, partindo da obra “Os Maias”, bem como estabelecer um paralelo entre a obra e a vida do escritor na tentativa de procurar explicações que, possam responder ao “porquê” de o romancista escrever repetidamente sobre o incesto nas suas obras. Sendo, ainda, que surge a necessidade de saber se a escrita repetida de romances incestuosos são, ou não, benéficos para um desenvolvimento organizador do seu psiquismo.
ABSTRACT: José Maria Eça de Queiroz, one of the most well known Portuguese novelists from the late nineteenth century, wrote a wide number of novels, among them “Os Maias- Episódios da Vida Romantica”, published in 1888 in Oporto, in which the central theme is the incestuous relationship between a brother, Carlos da Maia and his sister Maria Eduarda, and whatever this act raises in a typical conservative society. The interest and timeless success of the novel “Os Maias”, both near the common public and of those who over the writer and his work keep on researching, show that the theme of incest, in this case, between brother and sister, is still an up to date subject. In this work, we will touch the incest definition, from the psychological, sociological and anthropological, points of view, in order to enrich this master’s dissertation. We’ll also go through the matters of forbidding and of the taboo related to this practice. This master’s dissertation, aims to understand the incest in Eça’s work, starting with the novel “Os Maias”, as well as to set up a parallel between the writer’s work and life, in the attempt to look for explanations that may answer the question “why” the author, so often writes about this theme in his novels. We’ll try also, to understand, if the recurrence of this subject in his books, will or won’t, have any beneficial effect regarding the organization of this psychism.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/4012
Designação: Mestrado em Psicologia Clínica
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
19858.pdf932,29 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.