Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3923
Título: Conteúdo das cognições das crianças perante situações ameaçadoras e diferenças de género
Autor: Marques, Graciete Maria Tavares Figueiredo Leal
Orientador: Leal, Isabel Pereira
Palavras-chave: Histórias potencialmente ameaçadoras
Ansiedade
Crianças
Cognições
Stories potentially threatening
Anxiety
Children
Cognitions
Data de Defesa: 2012
Resumo: A ansiedade, os medos e preocupações são ocorrências comuns na infância e adolescência e podem ser considerados como reações perante diversos acontecimentos existentes no meio ambiente no qual a criança está inserida. Tendo em consideração que a ansiedade afeta um grande número de crianças por um significativo período de tempo, tornase necessário, compreender os aspetos subjacentes a estas perturbações. Após uma revisão da literatura científica, surgiu o problema de investigação que está na base do desenvolvimento deste trabalho: o que pensam as crianças perante situações ameaçadoras e se existem diferenças significativas relativamente ao género e à idade das crianças. Para o desenvolvimento desta investigação, optou-se por um estudo exploratório, correlacional e comparativo, utilizando como instrumento de recolha um questionário sociodemográfico, a Escala “ Screen for Child Anxiety Related Emotional Disorders (SCARED-R)” e o instrumento “9 Scripts Potentially Threatening for Anxious Children” e como método, a análise de conteúdo. Foi utilizada uma amostra não-clínica de crianças da ilha Terceira (n = 85; faixa etária entre os 10 e 11 anos). Os resultados apontam para que a maioria dos participantes quando confrontados com situações ameaçadoras tendem a recorrer, com maior frequência, à utilização de Pensamentos Negativos, principalmente nas histórias referentes à Ansiedade Generalizada e de Separação. Verificou-se uma relação entre a Ansiedade e todos os Pensamentos Negativos elaborados pelas crianças. As subcategorias mais referenciadas foram o Pessimismo, Dificuldades para Lidar com a Separação e Insegurança. Relativamente à idade e género não se verificaram correlações significativas quando relacionadas com a ansiedade das crianças.
ABSTRACT: Anxiety, fears and concerns are common at childhood and adolescence and can be considered as reactions to the several situations that occur on the environment where a child lives. Given the fact that anxiety affects a great number of children through a significant period of time, it is important to improve knowledge about the aspects that are on the origin of these disturbances. After revising scientific literature about the issue, the problem that is on the basis of this work arose: what do children think when facing threatening circumstances and are there significant differences amongst gender and age? During research, it was opted for a exploratory, correlation and comparative study, using as a gathering tool a socio-demographic questionnaire such as the scale “Screen for Child Anxiety Related Emotional Disorders (SCARED-R)”, the tool “9 Scripts Potentially Threatening for Anxious Children” and the content analyses as a research method. It was used a non-clinic sample of children from Terceira Island (n=85; between 10 and 11 years old). Results show that the majority of participants tend to have Negative Thoughts when facing threatening situations, mainly in what concerns stories related to Generalized Anxiety and Separation. It was gauged a significant co-relation between Anxiety and all Negative Thoughts, elaborated by children. The subcategories most referenced were Pessimism, Difficulties Coping with Separation and Insecurity.In what concerns age and gender, there weren’t found significant co-relations when is related with child anxiety.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3923
Designação: Mestrado em Psicologia da Saúde
Aparece nas colecções:PSAU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
20204.pdfDocumento principal698,17 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.