Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3904
Título: Vinculação à mãe, ao pai e ao grupo de pares e sua relação com a delinquência juvenil
Autor: Vaz, Marta Sofia da Silva Fernandes
Orientador: Pereira, Maria Gouveia
Palavras-chave: Vinculação
Adolescência
Delinquência juvenil
Attachment
Adolescence
Juvenile delinquency
Data de Defesa: 2011
Resumo: O presente estudo teve como objectivo analisar o padrão de vinculação presente em jovens sinalizados com comportamentos delinquentes face a figuras significativas (mãe, pai, amigos), e compreender qual a influência dessa vinculação na manifestação de comportamentos delinquentes. Recorreu-se a Instituições que trabalham directamente com jovens considerados em risco. Contou-se com a participação de 125 adolescentes, do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 13 e os 18 anos de idade (média de idades 16 anos). Para medir o grau de delinquência, utilizou-se a Escala de Desvio e Delinquência (Gouveia-Pereira & Sanchez, 2010) e para analisar a qualidade da vinculação a figuras significativas, utilizou-se o Inventário de Vinculação para Pais e Pares (IPPA) (Neves, L., Soares, I. & Silva, M., 1995). Os resultados obtidos permitem-nos constatar que o padrão de vinculação destes jovens é maioritariamente seguro. Todavia, verificouse a existência de uma correlação negativa entre vinculação e delinquência, ou seja, quanto menos segura for a vinculação, maior é a ocorrência de comportamentos delinquentes (Questionário de Vinculação à Mãe r =-.281 ; p <0.01 / Questionário de Vinculação ao Pai r =-.296 ; p <0.01 / Questionário de Vinculação aos Pares r =-.198 ; p < 0.05).
ABSTRACT: The present study aimed to analyze the pattern of attachment with significant figures (mother, father, friends) in young people with delinquent behaviour and to understand the influence of this patterns of attachment in the manifestation of delinquent behaviours. We appealed to Institutions that work directly with young people considered at risk. The sample was consisting of 125 male adolescents, aged between 13 and 18 years (the average age was 16 years old). The Deviation and Delinquency Scale (Gouveia-Pereira & Sanchez, 2010) was used to assess the degree of delinquency and the Inventory of Parent and Peer Attachment (IPPA) (Neves, L., Soares, I. & Silva, M., 1995) was used to analyze the quality of attachment to significant others. The results obtained allowed to conclude that the pattern of attachment of these young people is predominantly secure. However there was evidence of an inverse correlation between the attachment pattern and the delinquent behaviours. This pattern is much less secure for the linking of the greater occurrence of the delinquent behaviours (Questionnaire Attachment to Mother r =-.281; p <0.01/Questionnaire Attachment to Father r =-.296; p <0.01/Questionnaire Attachment to Peers r =-.198; p <0.05).
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3904
Designação: Mestrado em Psicologia Clínica
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
13894.pdf4,61 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.