Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3862
Título: O excesso de trabalho mata ou dá prazer? Desvendando o workaholismo em Portugal
Autor: Soares, Patrícia Alexandra Fonseca
Orientador: Gomes, Jorge F. S.
Palavras-chave: Workaholismo
Antecedentes
Consequências
Workaholism
Antecedents
Consequences
Data de Defesa: 2008
Resumo: Este estudo apresenta como objectivo definir o workaholismo segundo as perspectivas dos sujeitos, procurando identificar também quais os antecedentes e consequências desta problemática em Portugal. É um estudo exploratório, designado por estudo misto sequencial, uma vez que é constituído por duas fases: uma primeira fase quantitativa (aplicação de questionários de aferição do grau de workaholismo) e uma segunda fase qualitativa (realização de entrevistas semi-estruturadas aos dez sujeitos que revelarem um maior grau de workaholismo). Através da análise de conteúdo efectuada aos resultados das entrevistas foi possível obter uma definição de workaholismo, direccionada para o comportamento obsessivo e aditivo perante o trabalho. Foram eleitos alguns antecedentes na sua maioria associados a factores sociais, organizacionais e características individuais e também consequências nefastas essencialmente ao nível emocional e de saúde. Emergiram ainda algumas opiniões em relação aos workaholicos e à forma como é encarada a existência do workaholismo em Portugal. Limitações e pistas para estudos futuros são igualmente discutidas.
ABSTRACT: This study shows as goal to define the workaholism by the prespective of the subjects, which also aim to identify the background and consequences of this problem in Portugal. It is an exploratory study, called sequential mixed study, since it is composed of two phases: a quantitive first phase (application of questionnaires to gauge the degree of workaholism) and a qualitative second stage (realization of semi-structured interviews for the ten subjects that reveal a greater degree of workaholism). Through content analysis of the results of interviews made, it was able to get a definition of workaholism, directed to the obsessive and additive behavior towards the job. Some antecedents have been elected as mostly related to social factors, organizational and individual characteristics and also harmful consequences essentially to emotional and health level. Still a few opinions emerged regarding workaholics and how it sees the existence of workaholism in Portugal. Limitations and clues for future studies are also discussed
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3862
Designação: Mestrado em Psicologia Aplicada
Aparece nas colecções:PORG - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
12682.pdf1,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.