Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3836
Título: Mecanismos de defesa e de coping e níveis de saúde em adultos
Autor: Geada, Manuel
Palavras-chave: Saúde
Doença
Mecanismos de defesa
Coping
Sentido interno de coerência
Health
Illness
Defensive mechanisms
Coping
Sense of coherence
Data: 1996
Editora: ISPA - Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 14(2-3), 191-201
Resumo: Partindo da definição de saúde da OMS, procura-se genericamente neste artigo realçar o carácter multidimensional da saúde nas suas vertentes física, psicológica e social, assim como articular os conceitos de saúde e doença. Mais especificamenrte, o estudo pretende investigar empiricamente a possível interacção entre aspectos do funcionamento da personalidade e níveis de saúde, averiguando em que medida os mecanismos de defesa e de coping são preditores eficientes do estado de saúde auto-percepcionado pelo sujeito. Os resultados obtidos com uma amostra de 114 adultos de ambos os sexos com idades compreendidas entre os 19 e os 58 anos, mostraram que enquanto os mecanismos de coping medidos pelo SOC Questionnaire de Antonovsky eram preditores consistentes do estado de saúde dos sujeitos avaliada pela Short-Form MOS20 do Medical Outcomes Study, os mecanismos de repressão e negação da emocionalidade medidos por duas escalas de C. Spielberger correlacionavam-se com a saúde mas no sentido contrário ao esperado. São discutidas as implicações dos resultados para a Psicologia da Saúde, em termos dos cuidados a ter na inter - venção psicoterapêutica com doentes físicos e em relação tl necessidade de replicação dos estudos sobre a influência dos mecanismos de defesa na saúde.
ABSTRACT: After presentation of WHO global definition of health and of some measures developed to assess individual health status, the author tries to investigate empirically into some possible connections between personality development, psychological defense mechanisms and processes of coping to health conditions of subjects. The results on a sample of 114 adults of both sexes show that while coping mechanisms assessed by SOC Questionnaire was a consistent predictor of individual health, some defense mechanisms correlate with health but not in the sense expected. The implications in terms of psychotherapeutic interventions with physical patients and future research on relations between psychological defense mechanisms and health are presented.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3836
Aparece nas colecções:PSAU - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AP_1996_23_191.pdf858,48 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.