Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3578
Título: Cyberbullying e suporte social da família e pares
Autor: Galante, Maria Francisca Teixeira Lourenço dos Santos
Orientador: Morgado, José
Palavras-chave: Cyberbullying
Bullying
Adolescência
Suporte social
Cyberbullying
Bullying
Adolescence
Social support
Data de Defesa: 2013
Resumo: A presente investigação visa estudar o bullying, mais especificamente a sua mais recente variante que se tem manifestado entre os adolescentes e que utiliza as novas tecnologias de informação e comunicação (T.I.C.): cyberbullying. Ao caracterizarmos este fenómeno, também o relacionaremos com a percepção de suporte social que os adolescentes têm e a forma como os adolescentes usam as T.I.C. Participaram neste estudo 152 estudantes no 7º, 8º e 9º ano de duas escolas do distrito de Lisboa com idades compreendidas entre os 11 e os 18 anos, sendo que 47,4% são do sexo masculino e 52,6% do sexo feminino. Aplicámos três questionários: um que identificou e descreveu as vítimas, agressores, observadores e os hábitos perante as T.I.C. e outros dois que avaliaram a percepção destes jovens em relação suporte recebido pela família e pares. Os resultados mostraram que não existem vítimas e agressores nos termos definidos pelos instrumentos, porém existem jovens que relatam episódios de vitimização e agressão através de bullying e cyberbullying. Os meios mais frequentes de agressão por cyberbullying foram as redes sociais (maioritariamente o Facebook) e o telemóvel (SMS), com o objectivo de ameaçar, insultar e publicar fotos ou vídeos sem o consentimento do próprio. Entre os sujeitos envolvidos, as diferenças relativas ao género não foram significativas, contrariando a literatura exposta. Para além disso, pudemos concluir que apenas a percepção de suporte social por parte da família se relaciona com a vitimização de cyberbullying. Os resultados fazem-nos pensar que este fenómeno existe e que é necessário aumentar o número de investigações nesta área para que possamos melhor conhecê-la e intervir junto dela.
ABSTRACT: This research aims to study bullying, more specifically its latest variant that has manifested itself among teenagers and uses the new technologies of information and communication: cyberbullying. When we characterize this phenomenon, we also intend to relate it with the perception of social support that the adolescents have and the way the teenagers use the new technologies of information and communication. Participated 152 students in the 7th, 8th and 9th grade at two schools at the district of Lisbon. Participants are aged between 11 and 18 years and 47,4% are male and 52,6% female. We we applied three questionnaires: one which has identified and described the victims, the aggressors, the observers and the habits with these technologies and two others which evaluated the young people’s perception of social support from their parents and friends. The results showed that there are no victims and aggressors as defined by the instruments, but there are young people who report episodes of victimization and aggression through bullying and cyberbullying, The most common ways off assalt by cyberbullying were social networks (primarily Facebook) and the mobile phone (SMS) in order to threat, insult e post photos or videos without the consent of the person. The results makes us think that the phenomenum exists and is necessary to increase the number of investigations in this area so that we better understand and intervene.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3578
Designação: Mestrado em Psicologia Educacional
Aparece nas colecções:PEDU - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
17830.pdf3,02 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.