Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3437
Título: Análise confirmatória fatorial de uma versão portuguesa do Questionário de Agressividade de Buss-Perry
Autor: Cunha, Olga
Gonçalves, Rui Abrunhosa
Palavras-chave: Análise confirmatória
Análise exploratória
Consistência interna
Questionário de agressividade
Aggression questionnaire
Confirmatory analysis
Exploratory analysis
Internal reliability
Data: 2012
Editora: ISPA - Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 10I(1), 3-17
Resumo: Buss e Perry (1992) desenvolveram um instrumento composto por 29 itens para avaliar comporta - mentos agressivos, o Questionário de Agressividade de Buss-Perry (AQ). Neste estudo analisaram-se a estrutura fatorial e as propriedades psicométricas de uma versão portuguesa deste Questionário numa amostra de 633 estudantes do Norte de Portugal. A análise fatorial exploratória confirmou a estrutura fatorial de quatro fatores definida por Buss e Perry (1992): agressividade física, agressi - vidade verbal, raiva e hostilidade. A escala evidenciou boa consistência interna, com exceção do fator agressividade verbal. Na análise confirmatória verificou-se uma replicação moderada dos fatores agressividade física, raiva e hostilidade e uma modesta replicabilidade da agressividade verbal. O instrumento evidencia igualmente uma boa capacidade discriminante, verificando-se diferenças entre os sexos, com exceção da hostilidade. Os resultados foram discutidos com base na utilidade do AQ para a prática clínica e forense.
Buss and Perry (1992) developed a questionnaire composed by 29 items to evaluate aggressive behaviours, the Buss-Perry Aggression Questionnaire (AQ). In this study we analysed the factorial structure and psychometric properties of a Portuguese version of the AQ in a sample of 633 students from the North of Portugal. Factorial analysis confirmed the Buss and Perry (1992) four-factor structure: physical aggression, verbal aggression, anger and hostility. The scale showed good internal reliability, except on the verbal aggression factor. Confirmatory factor analysis revealed a moderate factor replication in physical aggression, anger and hostility and a modest replication on verbal aggression. The instrument was good enough to discriminate adequately males from females, showing differences between genders on physical aggression, verbal aggression and anger. No differences were found in the hostility factor. Results are discussed concerning the utility of the AQ both in clinical and forensic settings.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3437
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:MTI - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LP_10_3-17.pdf115,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.