Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3156
Título: PS e PSD : Que diferença? Atitudes políticas face a intervenção do Estado
Autor: Maximiano, Ricardo
Data: 1995
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 13, 405-417
Resumo: Existe ou não diferença entre PS e PSD, nos seus militantes ou aderentes, nas atitudes face ao tipo de intervenção que o Estado deve ter na Sociedade? A resposta a esta questão constituiu o propósito da presente investigação, que contou com a participação de 120 sujeitos: 30 militantes base (60 no total) e 30 deputados da Assembleia da República (60 no total) de cada um dos dois maiores partidos políticos portugueses: O Partido Socialista e o Partido Social Democrata. Como instrumento, para a medição das atitudes, foi construída especificamente uma escala tipo Likert, produto, fundamentalmente, da análise do conteúdo dos princípios e programas partidários: APOLE (atitudes políticas face à intervenção do Estado), que revelou uma fidelidade bastante aceitável, obtendo um elevado a de Cronbach, e um considerável poder discriminante. Os resultados da Anova parecem demonstrar uma efectiva divergência entre socialistas e social-democratas, designadamente em aspectos de política económica, manifestando os primeiros, relativamente aos segundos, uma atitude mais favorável a uma maior intervenção do Estado nesta área.
ABSTRACT: Do Socialists (PS) and Liberal Democratic and Reformist Party (PSD), differ in their attitudes toward state’s intervention in societal organization? The answer to this question was the aim of the present research. This involved 120 subjects: 30 basis militants (60 on total) and 30 parliamentary deputies (60 on total) from each one of the two most expressive portuguese political parties. As instrument, for the measurement of attitudes, a type of Likert’s scale was specifically conceived, mainly as a product of the parties’ programs analysis: APOLE (political attitudes toward state’s intervention), which revealed a very acceptable reliability as measured by a high Cronbach’s Alpha, and a considerable discriminant power. The Anova’s results revealed an effective disagreement between socialists and liberais, namely on economic policy aspects. The Socialist Party appear to be associated to «more state» than the Liberal Party, in this political area.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3156
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:PSOC - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AP_1995_4_405.pdf908,4 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.