Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/3074
Título: Vamos ganhar? Vamos perder? Acredito que vamos ganhar! : Relação entre discurso interno, eficácia colectiva e desempenho no voleibol
Autor: Diniz, Patrícia Trindade Salgueiro Vagos
Orientador: Almeida, Pedro Henrique Garcia Lopes de
Palavras-chave: Discurso interno
Eficácia colectiva
Desempenho
Self-talk
Collective efficacy
Performance
Data de Defesa: 2014
Resumo: O presente estudo tem como principal objectivo estudar o efeito mediador que a Eficácia Colectiva possa ter na relação entre o Discurso Interno (Positivo e Negativo) e o Desempenho dos atletas, e ainda verificar se existem diferenças no que diz respeito ao Discurso Interno, à Eficácia Colectiva e Desempenho entre atletas federados e não federados na modalidade Voleibol. Com uma amostra de 240 participantes, este estudo utilizou a versão portuguesa do AESQS (Zourbanos et al., 2009), traduzida por três peritos independentes, com objectivo de avaliar o discurso interno dos atletas durante um jogo. Utilizou-se também a versão portuguesa do CEQS (Short, Sullivan & Feltz, 2001), traduzida por Francisco, 2005, com objectivo de avaliar a crença que cada atleta tem relativamente à sua equipa. Por fim, utilizou-se uma escala de avaliação de desempenho dos ateltas construída pelos autores do presente estudo. Dos resultados obtidos podemos destacar que, o efeito de mediação da Eficácia Colectiva na relação entre o Discurso Interno Positivo e o Desempenho, teve um efeito parcial. Relativamente ao efeito de mediação da Eficácia Colectiva na relação entre o Discurso Interno Negativo e o Desempenho, podendo-se, por isso, concluir que o efeito se verificou parcialmente. Confirma-se também que não foram encontradas diferenças significativas entre atletas federados e não federados no que diz respeito às variáveis em estudo (Discurso Interno, Eficácia Colectiva e Desempenho.
ABSTRACT: The present study has as main objective to study the mediating effect that collective efficacy may have on the relationship between the Self-talk (Positive and Negative) and the performance of athletes and also check if there are differences regarding to the Self-talk, Collective Efficacy and Performance between federated and non-federated athletes in Voleibol modality. With a sample of 240 participants, this study used a portuguese version of AESQS (Zourbanos et al., 2009) translated by three independent experts, with a goal of evaluating the athletes’s inner speech during a game. It was also used the portuguese version of CEQS (Shortm Sullivan & Feltz, 2001) translated by Francisco, 2005, with the objective of evaluating the belief which athlete has relatively to his team. Finally, was used a scale for evaluating the performance of athletes bilt by the authors of the this study. From the obtained results we can highlight that the mediating efect of Collective efficacy in the relation between the positive Self-talk and the performance had a parcial effect. In terms of the Collective Efficacy of mediation effect in the relation between the Negative Self-talk and the Performance it may be concluded that the effect was partially verified. It is also confirmed that significative differences between federated and non federated athletes, concerning the present variables (Self-talk, Collective Efficacy and Performance).
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/3074
Designação: Mestrado em Psicologia Social e das Organizações
Aparece nas colecções:PSOC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
19079.pdf3,74 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.