Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/2820
Título: O retraimento social e os estilos parentais nas crianças em idade do pré-escolar
Autor: Pedro, Sofia Macedo Santos
Orientador: Veríssimo, Manuela
Palavras-chave: Retraimento social
Estilos parentais
Pré-escolar
Social withdrawal
Parenting styles
Preschool
Data de Defesa: 2013
Editora: ISPA - Instituto Universitário
Resumo: Estudos realizados na infância apontam para uma associação entre estilo autoritário materno e o reforço do retraimento social nas crianças. Neste sentido, para compreender o papel dos estilos parentais no retraimento social, o presente trabalho teve como objectivo estudar a relação entre os vários sub-tipos de retraimento (i.e. comportamento reticente, comportamento solitário passivo e activo), e os diferentes estilos parentais adoptados por ambos os progenitores em função do sexo das crianças em idade do pré-escolar. Os participantes são 87 crianças do pré-escolar (50 do sexo feminino e 37 do sexo masculino), com idades compreendidas entre os 3 e os 6 anos (M=4.76; DP=0.77), de jardins-de-infância do ensino público e privado da região da Grande Lisboa e seus respectivos progenitores. O retraimento social foi avaliado pelas educadoras através da Escala de Comportamentos de Brincadeira Observados no Pré-Escolar (Coplan & Rubin, 1998, adaptado por Monteiro, Santos, 2012), enquanto que os estilos parentais de ambos os progenitores foram recolhidos através do Questionário de Estilos e Dimensões Parentais (Robinson, Mandleco, Olsen, & Hart, 2001, adaptado por Ferreira, Fernandes, Santos & Veríssimo, 2011). Os resultados demonstram a existência de uma relação entre os vários sub-tipos de retraimento social e um estilo autoritário por ambos os progenitores. No entanto, nas raparigas que apresentaram os vários sub-tipos de comportamento retraído, constatou-se uma relação com estilo autoritário em ambos os progenitores, contrariamente com os rapazes relacionou-se com um estilo permissivo.
ABSTRACT: The studies conducted in the childhood show an association between maternal authoritarian style and the strengthening of social withdrawal in the children. In this sense, to understand the role of parenting styles in social withdrawal, this paper aims study the relation between several of sub-types of withdrawal (i.e. reticent behavior, solitary-passive behavior, solitary-active behavior), and the differents parenting styles adopted by both progenitors based on gender of children who are from preschool. The participants are 87 children of preschool (50 females and 37 males), with ages between 3 and 6 years old (M=4.76; DP=0.77), of public and private kindergartens from Lisbon and your respective progenitors. The social withdrawal was evaluate by the kindergarten teachers through the Preschool Play Behavior Scale (Coplan & Rubin, 1998, adapted by Monteiro, Santos, 2012), while the parenting styles of both progenitors was collected through of Parenting Styles and Dimension Questionnaire (Robinson, Madleco, Olsen, Hart, 2001, adapted by Ferreira, Fernandes, Santos & Veríssimo, 2011).The results show that exist a relation between several sub-types of social withdrawal and a authority style by both progenitors. However, in the girls that presents the several sub-types of withdrawal behavior, it was found a relation with of authority style of both progenitors, in contrast with the boys that was relate with a permissive style.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica apresentada ao ISPA - Instituto Universitário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/2820
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
14573.pdf206,56 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.