Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/2717
Título: A influência da relação fraterna na vinculação aos pais e aos pares em rapazes pré-adolescentes
Autor: Peralta, Pedro Alexandre Guedes
Orientador: Vila Real, Ângela
Palavras-chave: Vinculação
Pré-adolescência
Irmãos
Segundo processo de individuação
Attachment
Early adolescence
Siblings
Second individuation process
Data de Defesa: 2008
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: O presente trabalho de investigação visa avaliar a influência de ser filho único ou de ser irmão na vinculação às figuras parentais e aos pares em rapazes pré-adolescentes. Partindo da teoria da vinculação de Bowlby realizámos um estudo comparativo, de metodologia quantitativa, para o qual foram constituídos dois grupos de pré-adolescentes entre os 12 e os 14 anos: o grupo dos filhos únicos com 53 sujeitos e o grupo dos rapazes irmãos, com 131 sujeitos. Para testar as hipóteses colocadas, foi utilizado o IPPA (Inventory of Parent and Peer Attachment) de Armsden e Greenberg (1987), numa versão adaptada para português. A amostra foi recolhida em duas escolas do concelho de Sintra. Os resultados obtidos não permitiram confirmar as hipóteses colocadas, mas constatámos que o processo de individuação em relação aos pais acontece de forma divergente entre o grupo dos filhos únicos e o grupo dos rapazes com irmãos.
ABSTRACT: The present investigation work aims to evaluate the influence of being an only child or to have siblings in the attachment to the parental figures and the peers of early adolescent boys. Starting on the theory of Bowlby about attachment, we carried through a comparative study, of quantitative methodology, for which two groups of early adolescents between 12 and 14 years old had been constituted: the group of the only children with 53 subjects and the group of youngsters with siblings with 131 subjects. To test the hypotheses placed, was used the IPPA (Inventory of Parent and Peer Attachment) of Armsden and Greenberg (1987), in a portuguese adapted version. The sample was collected in two schools in Sintra. The achieved results didn’t allowed to confirm the placed hypotheses, but we evidenced that the process of individuation in relation to parents happens in a different way between the group of only children and the group of youngsters with siblings.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica apresentada ao Instituto Superior de Psicologia Aplicada
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/2717
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
12145.pdf658,17 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.