Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/2601
Título: Estratégias de coping, ansiedade e depressão em pais de crianças com leucemia
Autor: Silva, Joana Filipa Pereira da
Orientador: Sá, Eduardo
Palavras-chave: Coping
Pais
Leucemia
Depressão
Ansiedade
Coping
Parents
Leukemia
Depression
Anxiety
Data de Defesa: 2012
Editora: ISPA - Instituto Universitário
Resumo: O presente estudo como objectivo observar o estilo de coping de pais de crianças com Leucemia, com os níveis de ansiedade e depressão, ver a relação entre estes fatores e relacioná-los com os dados demográficos. Neste sentido, pretende-se observar o impacto da doença oncológica de um filho no funcionamento psicológico dos pais. Trata-se de um estudo do tipo exploratório correlacional, apresentando um carácter quantitativo. Para avaliar as estratégias de coping foi utilizada a versão portuguesa de MAC - Escala de Ajustamento Mental ao Cancro de um Familiar (EAMC-F), e para avaliar os sintomas utilizamos a Symptom Checklist 90 – Revisited (scl-90-r), as variáveis demográficas foram acessadas atravez um pequeno questionário. Os participantes são 21 pais (9) e mães (12) de crianças com Leucemia (61,9%) e Leucemia Linfoblastica Aguda (38,1%), na sua maioria casados (71,1%), com idades compreendidas entre os 33-58. Os resultados evidenciam que a maioria das estratégias adotadas pelos pais são baseadas na Aceitação/Resignação. Verificou-se que apenas existem diferenças entre os pais com mais de um filho e pais com filho único, onde estes apresentavam estratégias do tipo Desânimo/fatalismo e maiores níveis de obsessão e depressão, e que as estratégias variam em função do género das crianças. Encontramos uma correlação positiva entre a ansiedade e a depressão (mais depressão, mais ansiedade). Concluímos que o cancro de um filho afecta significativamente o funcionamento psicológico dos pais, contudo factores como o número de irmãos parecem atenuar este efeito. Parece-nos que os cuidados e o acompanhamento dos pais, mesmo em fase de remissão da doença dos filhos, é de extrema importância.
ABSTRACT: This study aimed to observe the coping styles of parents of children with leukemia, with levels of anxiety and depression, and see the relationship between these factors and relate them to the demographic features. In this sense, we intended to observe the impact of a child’s cancer in the parents' psychological functioning. This is a correlational study of exploratory type, presenting a quantitative character. To assess coping strategies was used the Portuguese version of MAC - Mental Adjustment to Cancer Scale, and to evaluate the symptoms we used the Symptom Checklist 90 - Revisited (scl-90-r), the demographic variables were accessed by a short questionnaire. Participants are 21 parents (9) and mothers (12) of children with leukemia (61.9%) and acute lymphoblastic leukemia (38.1%), mostly married (71.1%), aged between 33-58. The results show that most of the strategies adopted by parents are based on acceptance / resignation and fatalism. We found differences between parents with more than one child and parents with just one child, they presented strategies like Discouragement / fatalism and higher levels of obsession and depression, and those strategies vary according to the gender of the children. We found a positive correlation between anxiety and depression (more depression, more anxiety). We conclude that the cancer of a child significantly affect the psychological functioning of parents, however such factors as the number of siblings appear to mitigate this effect. It seems that the care and monitoring of parents, even when the disease is in remission, is of utmost importance.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica, apresentada ao ISPA - Instituto Universtiário
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/2601
Aparece nas colecções:PCLI - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
14544.pdf706,92 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.