Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/253
Título: As potencialidades da Teoria de Resposta ao Item na validade dos testes: Aplicação a uma prova de dependência-independência de campo
Autor: Vieira, Maria João
Ribeiro, Rui Bártolo
Almeida, Leandro da Silva
Palavras-chave: Análise dos itens
Dependência-independência de campo
Teoria da Resposta ao Item (TRI)
Validade dos testes
Field dependence-independence
Item analysis
Item Response Theory (IRT)
Tests validity
Data: 2009
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 27(4), 455-462
Resumo: No presente estudo realizou-se uma análise aos itens da prova “Padrões” – teste de escolha múltipla informatizado que avalia a dependência-independência do campo – à luz dos modelos de um, dois e três parâmetros da Teoria de Resposta ao Item (TRI). Utilizou-se uma amostra de 1.918 candidatos ao Curso de Pilotagem Aeronáutica da Academia da Força Aérea Portuguesa. Analisou-se o ajustamento aos modelos logísticos de um (ML1), dois (ML2) e três parâmetros (ML3), concluindo-se que o primeiro modelo se ajustou a todos os itens que compõem a prova, o segundo apenas a sensivelmente metade dos itens, e o terceiro não chegou a cumprir as pré- -condições. A análise dos resultados sugere que a principal razão do desajuste dos ML2 e ML3 se tenha ficado a dever à não unidimensionalidade do teste, ilustrando deste modo as exigências fundamentais da aplicação da TRI na construção e validação de provas psicológicas. ABSTRACT This paper analyses the items of “Padrões” test – a multiple-choice computerized test of field dependenceindependence – considering the one, two or three parameters logistic models of Item Response Theory (TRI). A sample of 1918 candidates to an aeronautic course on Portuguese Air Force was considered. We analyzed the adjustment level for one parameter (1PL), two parameters (2PL) and three (3PL) parameters logistic models. Results show that 1PL adjusted to all items, 2PL adjusted to half, and 3PL didn’t allow the assurance of the previous conditions. Data analysis suggest that the first reason for 2PL and 3PL models maladjustment is the lack of unidimensionality, which can be considered as an illustration of the basic exigencies for IRT implementation on psychological test construction and validation.
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/253
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:MTI - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AP 27(4) 455-462.pdf72,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.