Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/2069
Título: Predição da eficácia dos líderes - Estudo de campo do modelo de contigência de Fiedler
Autor: Jesuíno, Jorge Correia
Data: 1982
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 2 (2/3), 183-199
Resumo: Aplicou-se m a escala LPC a uma amostra de 208 sujeitos num contexto de selecção profissional, 92 dos quais passaram a uma segunda fase que incluía provas especificamente concebidas para a avaliação das qualidades de liderança. Os scores da escala LPC foram submetidos a uma análise factorial a qual revelou existirem dois factores independentes, um factor social e um factor de tarefa. A evidência reunida não permite contudo uma decisão sobre qual dos factores deverá ser utilizado para basear uma classificação dos líderes. Por um lado os scores sociais correlacionam melhor com as predições do modelo, obtendo os líderes de tarefa melhores resultados relativos em situações com elevado controlo e os líderes sociais melhores resultados relativos em situações de controlo moderado. Por outro lado, porém, os scores de factor tarefa correlacionam melhor com outras medidas psicológicas, tanto de personalidade como cognitivas. Quanto ao significado do score LPC os dados obtidos parecem apontar para uma interpretação em termos de complexidade cognitiva de preferência à tese da hierarquia motivacional. ------ ABSTRACT ------ A 18 item Portuguese version of LPC scale was passed to a sample of 208 male undergraduate subjects under selection evaluation, 92 out of them enterred in a second stage including specifically designed situational tests for assessing their ledership skills. The LPC scores were factor analysed producing two independent factors, a task and a social factor, as measured by the scale. As for which of the factors would be the preferable measure the study did not produce enough evidence. At the one hand social scores relates better with model predictions, task leaders performing better in higher controled situations and social leaders performing better in moderatly controlled situations. At the other hand task scores are better related with other psychological measures, such as 16 PF and verbal aptitudes. Regarding the meaning of LPC score itself score, evidence was find giving preference to its interpretation as a measure of high LPC leaders being higher in cognitive complexity.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/2069
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:PSOC - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
1982_23_183.pdf1,3 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.