Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/2023
Título: Condicionamento operante e autisrno infantil
Autor: Jensen, Robert G.
Data: 1980
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 1 (2), 259-285
Resumo: Este artigo propõe-se dar uma perspectiva funcional ou comportamental como método, na alteração do comportamento de crianças autistas. Princípios do condicionamento operante: quando os condicionadores operantes se referem ao comportamento, estão-se a referir a um tipo específico de comportamento, isto é, um comportamento que é emitido ou evocado. O condicionador operante fala do comportamento que ocorre na presença de acontecimentos ambientais. Para ele, o comportamento observável torna-se num dos elementos dominantes da sua matéria de estudo. Todos os Programas de Tratamento para crianças autistas, devem ter em conta a relação entre acontecimentos antecedentes e o comportamento dessas crianças, devendo também incluir o controlo de estímulos através de um programa que discrimine certos aspectos do ambiente. O método de modificação do comportamento insiste na observação e registo de comportamentos claramente definidos. Contudo, essa observação e registo não indicam apenas a intensidade, fraqueza ou alterações deste, mas também se o comportamento varia muito de um para o outro com frequência.
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/2023
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:PCLI - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
1980_2_259.pdf2,36 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.