Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/1670
Título: A identidade (homo)sexual: A construção de um modelo empírico
Autor: Pereira, Henrique Marques
Orientador: Leal, Isabel Pereira
Palavras-chave: Identidade
Identidade sexual
Sexualidade
Promiscuidade
Modelo das equações estruturais
Instrumentos
Desenvolvimento sexual
Imagem do corpo
Género
Cultura
Identity
Sexual identity
Sexuality
Homosexuality
Structural equation model
Instruments
Sexual development
Body image
Gender
Culture
Data de Defesa: 2005
Editora: Universidade Nova de Lisboa: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Resumo: A identidade sexual em geral e a identidade homossexual em particular são processos psicológicos, sociais e culturais que se realizam mediante a integração de um conjunto de factores que vão para atém do sexo biológico, nomeadamente a identidade do género, os papéis sexuais sociais e a orientação sexual. Os modelos de identidade homossexual actuais não consideram a diversidade da experiência sexual humana, na medida em que se constituem desde uma perspectiva essencialista e se baseiam na irreversibilidade do processo de incorporação da identidade como um aspecto central do self. Desde uma perspectiva construtivista, advoga-se que a formação da identidade homossexual é um processo interactivo e contínuo entre o indivíduo e o ambiente social. Assim, o objectivo desta investigação é explicar o modo como se procede a esta construção junto de indivíduos que se identificam como homossexuais. Participaram neste estudo 2020 indivíduos distribuídos por três amostras e utilizadores da Internet, que responderam aos instrumentos que se encontravam alojados num site construído para o efeito; a saber: o Questionário Sócio-demográfico, o Questionário de identidade Homossexual (construído e validado no presente trabalho, α= 0.81), a Grelha de Orientação Sexual de Klein (também validada no presente trabalho, α= 0.94) e a Grelha Classificatória dos Papéis Sexuais Sociais. Recorreu-se à Internet por ser um recurso avidamente utilizado pela população homossexual, tendo sido preservados todos os princípios éticos da investigação psicológica tradicional. Os dados obtidos foram tratados de acordo com o procedimento da Análise de Equações Estruturais, o que permitiu a construção de um modelo explicativo da identidade homossexual. O tratamento empírico dos dados demonstrou que a identidade homossexual é assimilada peias medidas de orientação sexual e significativamente influenciada peia gestão da homofobia, experiências de discriminação, trajectória de aceitação, suporte social e experiências significativas. ------ ABSTRACT ------ Sexual Identity in general, and homosexual identity particularity, are psychological, social and cultural processes that take place through the integration of several factors that go beyond the biological! sex, namely gender identity, social sexual roles and sexual orientation. The existent models of homosexual identity do not consider the diversity of the human sexual experience, since they constitute themselves from an essentialist perspective, and are based in the irreversibility of the process of identity incorporation as a central aspect of the self. From a constructivist perspective, we advocate that the homosexual identity formation is an Interactive and continuous process between the individual and the social environment. From the presupposition that sexual identity is a socially constructed phenomenon, the objective of the present investigation is to explain how this formation happens among self identified homosexuals. 2020 individuals, distributed in three samples and that were Internet users participated in the study, responding to the following instruments that were available in a site built for the purpose of this investigation: the Socio-demographic Questionnaire, the Homosexual identity Questionnaire (construed and validated in the present study α=0.81), the Klein Sexual Orientation Grid (also validated in the present study, α= 0.94), and the Classificatory Grid of Sexual Social Roles. The Internet was used because homosexual self identified individuals are avid Internet users, and all ethical principals used in more traditional psychological research were preserved. The obtained data were analyzed using Structural Equations Modelling, which allowed the conceptualization of an explanatory model of homosexual identity. This empirical procedure demonstrated that the homosexual identity is assimilated by measures of sexual orientation, and that is significantly influenced by homophobia management, discriminatory experiences, trajectory of acceptance, social support, and significant experiences.
Descrição: Tese de Doutoramento em Psicologia Aplicada, Especialidade em Psicologia Clínica, apresentada à Universidade Nova de Lisboa: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/1670
Aparece nas colecções:PCLI - Tese de doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TES PERE H1.pdf159,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.