Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/1579
Título: Interrupção voluntária da gravidez: Ajustamento psicológico no processo de decisão
Autor: Sereno, Sara
Leal, Isabel Pereira
Maroco, João
Palavras-chave: Interrupção voluntária da gravidez (IVG);
Ajustamento psicológico
Decisão
Variáveis individuais
Abortion
Psychological adjustment
Decision-making
Individual variables
Data: 2012
Editora: Associação para o Planeamento da Família
Citação: Saúde Reprodutiva, Sexualidade e Sociedade, 1, 65-81
Resumo: Este estudo procurou avaliar o ajustamento psicológico no processo de decisão de IVG e explorar algumas variáveis individuais que possam influenciar positiva ou negativamente o ajustamento a esta decisão reprodutiva. A amostra, recolhida na Consulta de Gravidez Indesejada da Maternidade Dr. Alfredo da Costa, é constituída por 150 mulheres, com recurso a instrumentos de auto-resposta: Escala de Ansiedade, Depressão e Stress (EADS), Escala de Satisfação com o Suporte Social (ESSS), Escala de Avaliação das Emoções (EAS), Escala de Conflito na Decisão (ECD) e Questionário de Valores e Crenças (QVC). Dos nossos resultados destacamos que as participantes consideram esta decisão difícil e emocionalmente exigente, apesar de identificarem uma baixa conflitualidade na decisão. Encontram-se ajustadas psicologicamente no momento de decisão de IVG, apresentando porém níveis mais elevados de stress, tristeza e medo. ------ ABSTRACT ------ This study seek to evaluate decision-making and experience of abortion and to explore some individual and relational variables which can influence positive or negatively the adjustment to this reproductive resolution. The sample was collected at Consulta de Gravidez Indesejada in the Maternidade Dr. Alfredo da Costa, consisted by 150 women, with resource to instruments of self-response: Depression, Anxiety and Stress Scales (DASS), Escala de Satisfação com o Suporte Social (ESSS), Emotional Assessment Scale (EAS), Decision Conflict Scale (DCS) and a Questionário de Valores e Crenças (QVC). From our results we detach that the participants consider this decision though and emotionally demanding, although they identify low conflict in the decision. They found adjusted psychological in the moment they decide to do abortion, showing however higher levels of stress, sadness and fear.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/1579
Aparece nas colecções:PSAU - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
SRSS 1 (65-81).pdf592,97 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.