Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/1534
Título: Implicações da situação profissional na qualidade de vida em indivíduos com esclerose múltipla
Autor: Pedro, Luísa Maria Reis
Ribeiro, José Luís Pais
Palavras-chave: Esclerose múltipla
Qualidade de vida
Situação habitacional
Data: 2010
Editora: Universidade do Minho
Citação: In C. Nogueira, et al. (Eds.), Actas do VII Simpósio Nacional de Investigação em Psicologia, (pp. 1286-1294). Braga: Universidade do Minho
Resumo: A Esclerose Múltipla (EM) é uma doença do foro neurológico que afecta, especialmente jovens em idade activa. O objectivo deste estudo é verificar em que medida a situação profissional destes indivíduos explica a sua qualidade de vida. O estudo é exploratório e descritivo, utilizando a escala MSQOL-54, e a situação profissional (trabalha a full-time; part- time ou reformado/ não trabalha). Participaram 280 indivíduos com EM, maioritariamente mulheres, com cerca de 40 anos, com escolaridade elevada e casadas. Os resultados mostram que existem diferenças estatisticamente significativas, para a variável “situação profissional” na maioria das dimensões do MSQoL-54,. (“função física”, “desempenho físico”, “desempenho emocional”, “dor”, “bem-estar emocional”, “vitalidade”, “função social”, “função cognitiva”, “distress com a saúde” e “QOLGeral), os indivíduos com EM que trabalham em full-time são aqueles que exprimem maior Qualidade de Vida. Podemos pois concluir que os indivíduos, que trabalham em full time, têm melhor Qualidade de Vida.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/1534
ISBN: 978-989-96606-0-1
Aparece nas colecções:UIPS - Actas de reuniões cientificas

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
SNIP 2010 1286-1294.pdf43,54 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.