ISPA Repositório do ISPA
 
  Novo Utilizador? Registe-se aqui! Utilizador Registado? Entrar  

Repositório do ISPA >
Psicocriminologia >
PLEG - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.12/1257

Title: Delinquência juvenil: Comportamentos de risco e saúde mental
Authors: Fernandes, Sandra Luísa Cordeiro
Advisor: Aragão, Rui
Keywords: Psicologia legal
Delinquência juvenil
Instrumentos
Suicídio
Adolescência
Legal psychology
Juvenil delinquency
Suicide
Adolescence
Issue Date: 2003
Publisher: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Abstract: O presente estudo possui como objectivo principal analisar se os comportamentos de risco definidos como delinquentes de um universo de adolescentes residentes em bairro, com idades compreendidas entre os 13 e os 18 anos, são hipoteticamente uma expressão de estados mentais associados à incapacidade de elaboração dos aspectos depressivos. Delíneou-se para o objectivo proposto elaborar um estudo comparativo, com uma amostra total de 77 sujeitos, com idades compreendidas entre os 13 e os 18 anos, distribuídos segundo dois grupos distintos: o Grupo de Controlo constituído por 39 sujeitos considerados como não apresentando comportamentos delinquentes e o Grupo Experimental composto por 38 sujeitos considerados como apresentando comportamentos delinquentes. Considerou-se que os comportamentos delinquentes são definidos em termos do número de participações/ocorrência de actos ilícitos punidos por Lei, num valor de igual ou superior a duas participações. A base instrumental para a proposta de análise enunciada foi realizada mediante a aplicação conjunta da Escala de Risco Suicidário de Stork e Escala de Ansiedade de Zung. Procedeu-se, de igual modo, à aplicação de um questionário de caracterização pessoal. Os resultados obtidos permitiram verificar que para o universo em causa, os adolescentes pertencentes ao Grupo Experimental, ou seja, adolescentes que têm comportamentos delinquentes apresentam valores de risco suicidário significativos, quando comparados aos sujeitos do Grupo de Controlo. Relativamente ao sexo e à idade não foram assinaladas diferenças significativas no que se refere aos resultados obtidos na Escala de Risco Suicidário. Embora se tenha verificado uma tendência do risco em relação ao sexo masculino.
Description: Dissertação de Mestrado em Psicologia Legal
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/1257
Appears in Collections:PLEG - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DM FERN-S1.pdf19.53 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

© 2009 Instituto Superior de Psicologia Aplicada - Feedback - Statistics
   Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE