Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.12/1216
Título: A análise factorial de correspondências na investigação em psicologia: Uma aplicação ao estudo das representações sociais do suicídio adolescente
Autor: Oliveira, Abílio
Amaral, Virgílio Ribeiro
Palavras-chave: Análise factorial de correspondências
Adolescência
Suicídio
Psicologia
Representações sociais
Data: 2007
Editora: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Citação: Análise Psicológica, 25 (2), 271-293
Resumo: Apresentamos a Análise Factorial de Correspondências (AFC), uma técnica de análise de dados qualitativos com grande adequabilidade e aplicação no estudo de diferentes objectos, situações e fenómenos, nos mais diversos domínios da psicologia, em particular, no vasto campo das representações sociais. A AFC é um método de estatística descritiva multivariada que evidencia as afinidades entre as linhas e colunas de uma matriz de dados, e baseia-se na hipótese da independência entre as linhas e as colunas dessa mesma tabela (e.g. Doise, Clémence & Lorenzi-Cioldi, 1992; Lorenzi-Cioldi, 1983). Definimos a AFC no âmbito das análises factoriais, em geral, caracterizamo-la nos seus aspectos essenciais, de utilização e interpretação, e comparamo-la com outros métodos de análise de dados qualitativos. Exemplificamos a aplicabilidade deste técnica de análise de dados recorrendo a alguns resultados parciais de um estudo, em que os dados foram tratados e interpretados a partir de AFCs, à luz da teoria das representações sociais. Este estudo integra uma vasta investigação empírica, desenvolvida no âmbito de um trabalho de doutoramento em psicologia social, centrado nas representações sociais da morte, do suicídio e da música na adolescência (cf. Oliveira, 2004, 2007). ------ ABSTRACT ------ In this article, the authors present a model for qualitative data analysis, the Correspondence Factorial Analysis (CFA), which can be used in researches of different phenomena in the area of psychology. Correspondent factorial analysis is a multivariate descriptive statistic methodology that shows similarity between rows and columns of a data matrix, and is based in the hypothesis on the independence between rows and columns of such matrix (eg. Doise, Clémence & Lorenzi-Cioldi, 1992; Lorenzi-Cioldi, 1983). The authors conceptualise the correspondence factor analysis in the ambit of general factor analysis, and characterise it in terms of the main aspects, uses and interpretation, and compare it with other qualitative data analysis methodology. The authors exemplify the application of correspondence factorial analysis with the treatment of qualitative data of a research on social representations, which is part of a broader empirical study on social representations of death, suicide and music in adolescence developed in the ambit of a doctoral dissertation in social psychology (cf. Oliveira, 2004, 2007).
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.12/1216
ISSN: 0870-8231
Aparece nas colecções:UIPCDE - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
AP 25(2) 271-293.pdf445,35 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.